Notícias UPF

Computação Aplicada à Saúde é tema da aula inaugural do semestre do PPGCA/UPF

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação/UPF

O Programa de Pós-Graduação em Computação Aplicada da Universidade de Passo Fundo (PPGCA/UPF) realizou, no dia 15 de março, sua aula inaugural do semestre. A palestra “Tendências na área de computação móvel e ubíqua aplicadas à Saúde” foi ministrada pelo pesquisador e professor Dr. Cristiano André da Costa, coordenador do SOFTWARELAB, Núcleo de Excelência em Inovação de Software e pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Computação Aplicada da Unisinos.

O docente apresentou novidades e avanços em pesquisa e produtos sobre internet das coisas, conceito computacional que conecta dispositivos diversos por meio de sensores eletrônicos e a rede mundial de computadores. Alunos da graduação e da pós-graduação dos cursos de Ciência da Computação, Engenharia de Computação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Computação Aplicada puderam interagir com o professor Cristiano sobre temas como computação ubíqua, sistemas distribuídos e aplicações na área da saúde. Alunos e professores dos cursos de Engenharia Elétrica e Medicina também prestigiaram o evento.

Trocando experiências

Durante a tarde, o palestrante participou de reunião de trabalho no UPF Parque com empresários, entidades, instituições e pesquisadores sobre demandas relacionadas ao Cluster de Saúde. De acordo com o coordenador do PPGCA, Rafael Rieder, as contribuições e a experiência do professor Cristiano em tecnologias para a Saúde mostraram o norte necessário para a consolidação do Cluster de Saúde de Passo Fundo, bem como possibilidade de parcerias em projetos de engenharia biomédica e computação aplicada em Saúde entre PPGCA/UPF e PPGCA/Unisinos.

Na reunião de trabalho, foram apresentados detalhes sobre o projeto que Costa coordena, em parceria com a Siemens Healthcare, o Hospital Mãe de Deus, o Medical Valley e o Friedrich-Alexander Universität (em Erlangen, Alemanha). Esse projeto faz parte do Cluster de Tecnologias para a Saúde, vinculado Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado do Rio Grande do Sul. Também foram discutidas ações de aproximação entre empresas e instituições da região com indústrias norte-americanas e europeias e demandas da Saúde.