Notícias UPF

Presidente da Capes debate o desenvolvimento da pós-graduação

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Reprodução

IV Workshop da Pós-Graduação da UPF contou com conferência sobre ações da Capes e o desenvolvimento de programas no Brasil

O desenvolvimento da pesquisa e da pós-graduação no Brasil foi tema da conferência de abertura do IV Workshop da Pós-Graduação promovido pela Universidade de Passo Fundo (UPF). O evento, que ocorreu nesta quarta-feira, dia 17 de junho, de forma on-line, iniciou com a conferência sobre as “Ações da Capes para apoio à pós-graduação no país”. A temática foi abordada pelo professor Dr. Benedito Guimarães Aguiar Neto, presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

De acordo com o professor Aguiar Neto, a pós-graduação no país é muito jovem, mas tem alcançado um grau de maturidade significativo, sobretudo no que diz respeito aos seus processos de regulamentação e avaliação, sendo que na sua origem os cursos de pós-graduação tiveram como principal objetivo a capacitação de professores para as universidades. “Naturalmente havia a necessidade de um corpo docente altamente qualificado, com formação acadêmica adequada para que pudéssemos enfrentar todos os desafios inerentes a consolidação das nossas universidades. Nesse processo, a pós-graduação tem um papel muito significativo”, explicou.

Ainda conforme o professor, por acompanhar o processo desde a sua origem, a Capes contribuiu na formulação de políticas, dando suporte para a população brasileira na formação de professores e no apoio científico e tecnológico. “Claro que outros parceiros também são importantes como, o CNPq e a Finep, mas é a Capes que é responsável pelo sistema nacional de pós-graduação. Hoje o sistema conta com 4.649 programas, é um número bastante significativo Esses programas correspondem a 6. 947 cursos, desses 3.653 são mestrados acadêmicos, a grande maioria dos cursos de pós-graduação stricto sensu são mestrado acadêmicos, seguido de 2.405 doutorados”, contou.

Segundo o presidente da Capes, o desafio atual é de crescer com excelência, formando pesquisadores, cientistas com a melhor qualidade possível e dentro disso o processo de avaliação é fundamental.

O evento também contou com a participação da reitora da UPF, Dra. Bernadete Maria Dalmolin; do vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Dr. Antônio Thomé; do presidente da Fundação Universidade de Passo Fundo (FUPF), Me. Luiz Fernando Kramer Pereira Neto, além de docentes da Instituição.

Para a reitora, vivemos um momento que se destaca ainda mais a importância da ciência e tecnologia e a diferença que ela faz para a transformação da sociedade.

O vice-reitor Thomé, destacou a alegria da Universidade promover o evento contando com a participação do professor Benedito. O presidente da FUPF também saudou a iniciativa destacando o grande número de participantes no evento on-line.

O IV Wokrshop foi promovido pela Vice-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (VRPPG), em conjunto com a Divisão de Pós-Graduação e com os programas de pós-graduação stricto sensu da UPF.