Notícias UPF

UPFTV e Rádio UPF apresentam novidades em cenários, estúdio e programação

  • Por: Alessandra Pasinato
  • Fotos: Fotos: Gelsoli Casagrande

Café da manhã realizado nesta quinta-feira, 8 de junho, marcou a nova fase das emissoras de rádio e televisão da FUPF

Aproximando-se da marca de meio século em ensino, pesquisa, extensão e inovação tecnológica, a Universidade de Passo Fundo (UPF) reforça seu compromisso em transmitir conhecimento e informação, por meio do Complexo de Telecomunicações, formado pela UPFTV, emissora de televisão da Fundação Universidade de Passo Fundo (FUPF); e pela Rádio UPF, a maior rede de rádios universitárias do sul do Brasil. Marcando uma nova fase das emissoras de rádio e televisão da FUPF, novidades em estúdio, cenários e programação foram apresentadas para convidados nesta quinta-feira, dia 8 de junho.

Presidente da FUPF, a professora Maristela Capacchi citou que a rádio e a TV reforçam o compromisso da Instituição com a comunidade. “A contribuição do trabalho realizado por essas equipes vai além do caráter educativo desses veículos de comunicação. De alguma forma, é a extensão do propósito da UPF: o de formar pessoas, comunicando todo o conhecimento que é gerado dentro da Universidade”, comentou, reconhecendo o trabalho realizado pelos veículos. Para ela, o apoio da FUPF foi importante para a expansão desse setor. “Formamos a maior rede de rádios universitárias do sul do Brasil e temos a maior programação local de televisão em canal aberto. Além disso, estamos atentos à mudança de comportamento da nossa sociedade”, disse.

O reitor da UPF, José Carlos Carles de Souza, destacou que desde que assumiu a Reitoria, em 2010, teve um olhar cuidadoso com o espaço do Complexo de Comunicação, para que pudesse se efetivar a interação tanto com a comunidade interna quanto com a externa. “Estamos presenciando o coroamento de uma proposta que foi pensada há algum tempo atrás e que foi possível em razão da dedicação e do comprometimento dos profissionais da área da comunicação”, disse, evidenciando o trabalho realizado pelo coordenador de Comunicação e Marketing da FUPF, Cristiano Mielczarski; pela supervisora da UPFTV, Taís Rizzoto; e pelo supervisor da Rádio UPF, Gerson Pont, e suas equipes.

Para o reitor, as alterações em programação e cenários desenham um novo momento para o espaço de comunicação da Universidade. “Isso contribui para a divulgação das notícias acadêmicas, da cultura, proporcionando à comunidade espaços de entretenimento, o que é motivo de orgulho”, reitera José Carlos, ao comentar sobre a importância de uma Instituição comunitária de ensino superior ter um espaço extremamente qualificado em rádio e televisão, a fim de levar informação e conteúdo efetivamente à comunidade. “Queremos ser sempre mensageiros de boas notícias”, declarou.

O coordenador de Comunicação e Marketing da FUPF, Cristiano Mielczarski, reiterou que as mudanças representam um grande avanço na área de comunicação da Instituição.

Conforme a supervisora da UPFTV, Taís Rizzoto, o intuito da emissora é estar cada vez mais próxima da comunidade. “Temos um cenário moderno e atualizado, que permite mobilidade por parte dos apresentadores e, também, há uma mudança no fazer jornalístico, aprofundando o conteúdo que é relevante para a comunidade. Somos hoje a emissora em canal aberto com o maior tempo de programação local, isso nos dá uma responsabilidade muito grande”, afirma ela, adiantando que, em breve, haverá outras novidades tanto na programação quanto nos cenários, e, também, em relação à interação com os telespectadores.


Para o supervisor da Rádio UPF, Gerson Pont, a modernização física do estúdio acompanhou a ampliação do Café Expresso, um dos programas que alia música e informação. “Apostamos nessa mistura de música e notícia, de forma que o ouvinte escute música e se mantenha informado”, comenta, explicando que as três edições oportunizam que os ouvintes possam receber informações nos horários de maior deslocamento no trânsito. Além disso, a Rádio UPF conta com um aplicativo mobile, que pode ser baixado no celular.

Presente na solenidade, o vice-prefeito de Passo Fundo, João Pedro Nunes, destacou o brilhante trabalho da Reitoria da UPF e da Fundação. “Passo Fundo se orgulha da UPF”, disse, ao comentar que a comunicação contribui no fortalecimento da democracia e contribui com a transparência. Para ele, tanto a UPF TV quanto a Rádio UPF promovem um diálogo com o ouvinte e com o telespectador. Também presente, o vereador Patrick Cavalcanti, presidente da Câmara Municipal, ressaltou a importância de fazer comunicação com zelo e responsabilidade. “É uma alegria estarmos presentes neste momento. A imprensa tem exercido seu papel e mostrado a verdade. Esse é um momento ímpar. Vida longa à UPFTV e à Rádio UPF”, exaltou.

Estiveram presentes na solenidade a vice-reitora de Graduação Rosani Sgari; o vice-reitor Administrativo Agenor Dias de Meira Jr.; diretores de campi e de unidades acadêmicas; o vice-presidente da Fiergs Antônio Rosso; representantes da CLD, Sinduscon e Acisa.

As mudanças

A UPFTV é uma das afiliadas do Canal Futura. Dentre as novidades na programação, está o telejornal Hora da Notícia, que antes se chamava Canal de Notícias. Além do novo nome, o programa também ganhou um novo cenário, com cores mais claras e design inovador, e o ambiente permite mais mobilidade por parte do apresentador. Outro programa da UPFTV que tem nova nomenclatura é o Fim de Semana, que agora se chama A Semana. O programa apresenta um resumo dos principais assuntos que ocorreram durante a semana, que movimentaram Passo Fundo e região.

A Rádio UPF, desde o dia 17 de maio, opera em seu novo estúdio. Com um design inovador na ambientação dos equipamentos e tratamentos de iluminação e áudio, o espaço foi a base do lançamento da nova programação. Dentre as novidades, está a ampliação de edições do programa Café Expresso, que mixa em seu conteúdo notícias e música de qualidade. A edição original, das 7 às 9h da manhã, tem outras duas edições, às 12h e às 18h. Também houve alteração dos horários diários do Caixa Preta e do Versão Brasileira, que estão renovados. Completando a lista de novidades, está o A La Carte, um programa que propõe programações musicais personalizadas conforme o dia da semana.

Assista e ouça

Com transmissão aberta desde agosto de 2005, a UPFTV se consolida com uma programação baseada no compromisso com a cidadania, com a prestação de serviços e com a difusão do conhecimento. A UPFTV pode ser sintonizada em Passo Fundo pelo canal 4 da TV aberta e 14 da NET; em Marau, pelo canal 54; em Sarandi e Palmeira das Missões, pelo canal 45; em Soledade, pelo canal 30; e em Carazinho, pelo canal 20. As reportagens também podem ser conferidas na página da UPFTV no Facebook.

A rede de rádios da UPF completará, em agosto, 10 anos de operação e, em sua área total de cobertura, somadas as quatro emissoras da rede – Passo Fundo, Soledade, Carazinho e Palmeira das Missões/Sarandi –, abrange uma região de cerca de 800 mil pessoas. A Rádio UPF pode ser sintonizada em Passo Fundo na frequência 99.9; em Carazinho, na frequência 90.5; em Soledade, na frequência 106.5; e em Palmeira das Missões e Sarandi, na frequência 106.3. É possível ouvir a rádio pelo site www.upf.br/radio ou pelo APP mobile Rádio UPF, disponível para smartphones e iPhone.