Notícias UPF

Seja um extensionista voluntário do projeto Acampamento da Criança com Diabetes

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Arquivo

Estudantes que desejam participar podem se inscrever a partir desta sexta-feira (18)

Visando aproximar a Universidade de Passo Fundo (UPF) da comunidade, o projeto de extensão Acampamento da Criança com Diabetes se destaca por integrar filhos, pais, acadêmicos e professores em atividades que promovam a qualidade de vida e o autocuidado. E para dar sequência a este importante trabalho, o Centro Universitário de Saúde Coletiva (Ceusc) seleciona extensionistas voluntários para atuar no projeto.

O período de inscrições inicia nesta sexta-feira, 18 de setembro. Podem participar da seleção estudantes regularmente matriculados nos cursos de graduação ou pós-graduação da UPF. Também é necessário ter disponibilidade para reuniões de trabalho nas terças-feiras, às 18h, e eventuais finais de semana. No total, são disponibilizadas quatro vagas: três para os cursos da área da Saúde e uma para os demais cursos.

Como se inscrever?
Quem tiver interesse em se candidatar como extensionista voluntário do projeto Acampamento da Criança com Diabetes pode fazer a sua inscrição até 28 de setembro. Para isso, é preciso enviar (até às 17h do dia 28/09) para o e-mail acampamentodiabetes@upf.br o boletim acadêmico e o memorial descritivo em formato PDF, apontando as experiências com extensão e motivações para participar do projeto.

A lista dos selecionados para entrevista será divulgada no dia 30 de setembro, no site da UPF. Os selecionados deverão acessar a entrevista por meio do Google Meet. O link de acesso deve ser previamente encaminhado por e-mail.

O resultado oficial será divulgado em 8 de outubro, na página da UPF e do Acampamento da Criança com Diabetes. Mais informações podem ser obtidas no edital de seleção.

O projeto
O projeto de extensão Acampamento da Criança com Diabetes integra o programa ComSaúde e visa promover a qualidade de vida e o autocuidado orientado a crianças e jovens com diabetes tipo I (DM1) e às suas famílias, por meio de vivências e experiências lúdicas. O projeto tem em sua essência vários propósitos que buscam garantir que as crianças possam viver a infância em sua plenitude.

As ações buscam proporcionar ainda um ambiente formativo adequado e qualificado, sob a lógica interprofissional, para estudantes e docentes da UPF e outros parceiros e instituições envolvidas. Além da UPF, o projeto tem como organizadores as instituições Lions Club e Hospital São Vicente de Paulo.