Notícias UPF

Curso de Administração da UPF Casca promove Seminário Vivencial

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação

Os acadêmicos do curso de Administração da UPF Casca promoveram, entre os dias 22 e 29 de novembro, o Seminário Vivencial. O Seminário marcou o encerramento das atividades da disciplina de Sistema de Informação Gerencial, ministrada pelo professor Me. Rodrigo Ferneda, que, no início do semestre, desafiou os acadêmicos a escolher uma empresa da região e investigar como a informação contribui para a tomada de decisão e vantagem competitiva na gestão das organizações. 

Na oportunidade, os gestores de cada empresa, em sua maioria egressos da UPF, disponibilizaram as informações necessárias para a construção do trabalho, participaram em sala de aula apresentando a empresa por meio de informações como início do empreendimento; desafios superados e tendências de mercado sobre o setor em análise. Além disso, contribuíram para avaliação do grupo após a apresentação, estreitando a relação entre Universidade e empresas.

As empresas participantes do projeto foram: Inova Contabilidade, de Paraí; Bedin Soluções Imobiliárias, de Serafina Corrêa; Paludo e Paludo Indústria Ltda – Construavis, de Nova Alvorada; Sulene Artefatos de Metal, de Guaporé; Mercado e Materiais de Construção Vizioli, de Vanini; e Propriedade da Família de Cassio Possebon, de Casca. 

De acordo com o professor, trabalhar os conceitos para compreender a prática é um grande diferencial na formação acadêmica pela UPF. “A informação é transformada em recurso valioso, e através da pesquisa proposta e o envolvimento dos gestores nessa troca de experiência, demonstramos a força empreendedora da região e seus diferenciais nos setores da indústria, comércio, prestação de serviço e agricultura”, disse, completando que o fato de os gestores serem egressos da Instituição reflete a importância da formação social, econômica e humanística para a região de atuação da Universidade. 

Para a acadêmica Julia Boito Guarese, a oportunidade de ver como funciona na prática tudo o que foi estudado durante as aulas contribuiu muito para o aprendizado que será utilizado no dia a dia das empresas onde atuam. “Um ponto forte foi a experiência de levar os nossos gestores até a Universidade para trocar conhecimento e experiências de vida, nos fazendo ver o que o mercado de trabalho espera de nós”, concluiu.