Notícias UPF

A reinvenção do Projeto Bookcrossing em tempos de pandemia

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação

Projeto de extensão da UPF chegou à Sananduva para promover a leitura para todas as idades

Sempre buscando novos leitores e pensando que o exemplo é que os forma, o Projeto de Extensão Bookcrossing, do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH), chegou à Sananduva, prevendo a circulação ou libertação de livros livremente entre os leitores de todas as idades. Pelo Projeto, não há registro de empréstimos ou necessidade de devolução, mas um espaço destinado para deixar ou pegar um livro, de acordo com seu interesse, podendo ler no próprio local ou levá-lo para casa e, posteriormente, passar adiante. Em virtude da pandemia da Covid-19, o ponto de Bookcrossing localizado na Escola Municipal de Ensino Fundamental Santa Teresinha, precisou ser fechado, mas os leitores ainda podem ter acesso à leitura, agora, de uma forma diferente: por meio do rádio.

De acordo com a professora Dra. Luciane Sturm, coordenadora do Bookcrossing na UPF, diante do novo cenário vivido na esfera educacional e social, tornou-se necessário e essencial reelaborar o projeto de leitura com o intuito de continuar difundindo o mundo dos livros entre a comunidade de Sananduva e região. Dessa forma, a coordenadora do Projeto em Sananduva, professora Viviane Demetrio da Silva Scariot, também doutoranda do Programa em Pós-Graduação em Letras, buscou alternativas e novos suportes para incentivar a leitura e formar novos e atuantes leitores. Por meio de uma parceria já existente desde 2018 com a Rádio Comunitária Apuaê FM, o Bookcrossing obteve um novo espaço no formato de “programate” semanal para discutir sobre livros, literatura e autores, mantendo o espírito do Projeto.

Segundo Luciane, a presença do Bookcrossing em um canal de rádio não é algo novo, pois o Projeto manteve por três anos um programa na Rádio UPF, com esses mesmos propósitos e com a participação de bolsistas de extensão. “A própria professora Viviane já havia experimentado o formato de programetes em Sananduva. Contudo, nesse período de impossibilidade de interação presencial e escolas fechadas, a rádio é um recurso bastante pertinente”, afirma.

Para as professoras Luciane e Viviane, os canais de rádio são ferramentas democráticas, inclusivas e de fácil acesso, não dependem da qualidade da internet, não têm preconceito de idade, uma vez que todos podem recorrer a esse meio. “A proposta é continuar com as atividades do projeto para o município mesmo que afastados socialmente. Distante fisicamente dos alunos, não é possível retirar, manusear, nem ler os livros que estão disponíveis nas estantes, mas é possível manter o vínculo com os propósitos de divulgar a importância do ato de ler”, destaca Luciane.

O programa do Bookcrossing vai ao ar todas às segundas-feiras, às 10h30min, na Rádio Apuaê FM, 104.9.