Notícias UPF

Profissões do Futuro: automatização de processos e coleta de dados

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Pexels

A pandemia da Covid-19 acelerou o processo de transformação digital das empresas em geral

A área de Tecnologia da Informação é o assunto do quinto episódio da série “Profissões do Futuro”. Já analisamos o rumo, para os próximos anos, das áreas de comunicação, educação, ciências agrárias e ciências jurídicas. O entrevistado de hoje é o professor da Universidade de Passo Fundo e mestre em Informática, Eder Pazinatto.

Por medidas de segurança contra o novo coronavírus, as pessoas precisam ficar em suas casas, o que aumenta a procura de serviços online. Para Pazinatto, a pandemia acelerou as ações de inovação tecnológica, “muitas empresas tiveram que correr atrás de informatizar seus processos que não estavam informatizados e com isso, outras empresas que já estavam com processos mais automatizados, elas estão buscando cada vez mais aprimoramento de seus negócios”. Entre os itens de aperfeiçoamento, segundo o professor,  está a Inteligência Artificial que busca conhecer demandas, captar informações de clientes, perfil de consumidor, tendências, assim por diante.

Pazinatto chama atenção pata o campo dentro da tecnologia da informação chamado de Internet das Coisas (IoT), que  está voltado para a captação de dados. De acordo com o professor, há um grande acúmulo dessas informações e que precisam ser trabalhadas para buscar tendências e verificar comportamentos. “Esse é um ramo que tem crescido muito e vai crescer mais nos próximos anos, porque o volume de dados vai gerar uma grande riqueza se for um bem trabalhado”.

Para ingressar no mercado de trabalho, o profissional da área deve ter uma característica muito forte em habilidades técnicas e uma visão global. Pazinatto comenta que o cientista da computação ou o tecnólogo em desenvolvimento de sistemas precisa ter a capacidade de analisar qualquer dado coletado. Além disso, o profissional deve ter conhecimento técnico em diferentes tecnologias adotadas em empresas e a “busca constante de aprendizado e aperfeiçoamento”.      

Confira o vídeo: