Curso de extensão

Ensino de Língua Espanhola e a BNCC: estratégias e desafios no contexto atual

  • De 10 a 31 de outubro

  • das 8h30min às 10h30min

  • 100% on-line

Descrição

Ao longo dos anos, o ensino de Espanhol vem sofrendo muitas modificações e sanções em um âmbito nacional, atingindo diretamente os professores de Língua Espanhola. Pensando numa retrospectiva não tão distante assim, a Lei 11.16, sancionada em 12 de junho de 2005, para ser implementada em todas as escolas brasileiras até o ano de 2010, constituiu-se como uma forte ação político-linguística de inclusão do Espanhol no Brasil. A oferta do ensino do idioma na rede de Educação Básica, facultativa no ensino fundamental, mas que muitas escolas possibilitaram aos estudantes a oferta, e de modo obrigatório no ensino médio, foi, com certeza, um grande avanço para o ensino de línguas estrangeiras.
Porém, com outras mudanças em nível nacional, a obrigatoriedade do Espanhol foi precarizada e, nesse sentido, a Base Nacional Comum Curricular (doravante BNCC) não mais prevê o ensino de Espanhol como obrigatório, mas somente nos itinerários formativos e de acordo com a decisão e o desejo da escola e da comunidade local. No entanto, no Rio Grande do Sul, em 2018, um movimento coordenado pela Deputada Estadual Juliana Brizola, conseguiu-se a aprovação, junto à Assembleia Legislativa, da Emenda Constitucional número 74/2018, inserindo, novamente, a obrigatoriedade do ensino de Espanhol nas escolas de Educação Básica do estado.
Diante dessa nova obrigatoriedade e desse novo contexto de ensino que se apresenta para os professores do componente que já atuam nas escolas, a Universidade de Passo Fundo (UPF) está se empenhando e demonstrando seu papel comunitário e formativo de professores de Espanhol, buscando, dessa maneira, ofertar cursos de atualização, de formação continuada e específicos para que os professores possam e tenham condições de atuarem nas escolas com o ensino de Língua Espanhola.
Nesse novo contexto, a Universidade sentiu-se impulsionada e no compromisso de pensar medidas de aperfeiçoamento para a formação de professores de Espanhol, pois entende-se o curso de Letras -Espanhol como responsável de direito para poder cumprir com seu papel, fornecendo uma formação de qualidade no Ensino Superior para apresentar em sala de aula da Educação Básica. Nesse sentido, justifica-se a oferta do curso Ensino de língua espanhola e a BNCC: estratégias e desafios no contexto atual uma vez que o mercado de trabalho e, principalmente o da escola, exige profissionais multiculturais, tecnológicos e capazes de trabalhar em/com diversos níveis de ensino.

Inscrições e Investimento

Data de início: 09/09/2020
Data de término: 30/09/2020

Investimento:

Público em geral: R$50,00
Desconto 5% à vista: R$47,50

Período de realização

De 10 a 31 de outubro
Dia da semana:
sábado
Horário: das 8h30min às 10h30min
Local: 100% on-line
Carga horária: 12h

Programação

  • 10/10: Ensino de língua espanhola na perspectiva da BNCC.
    Reflexões sobre a docência e o ensino de espanhol no contexto atual.
  • 17/10: Multiculturalidade: cultura e literatura nas aulas de espanhol.
  • 24/10: Práticas pedagógicas no ensino do espanhol como língua estrangeira.
  • 31/10: Letramento multimodal em práticas de leitura e de escrita no ensino de língua espanhola.

Ministrantes

Elaine Ribeiro
Possui graduação em Letras pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões Campus de Erechim (2002), especialização em Metodologia do Ensino de Língua Estrangeira (2008) e Mestrado em Letras na área de Estudos Linguísticos pela Universidade de Passo Fundo. No momento cursa Doutorado em Letras na Universidade de Passo Fundo. Foi orientadora educacional IIIl do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) Erechim/RS, onde também exerceu a função de Coordenadora Pedagógica. Possui experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Espanhola, Língua Portuguesa, Literatura e Linguística. Atualmente é professora titular, com dedicação exclusiva, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense, Campus Fraiburgo, em Santa Catarina.

Mariane Rocha Silveira
Doutoranda em Letras pela Universidade de Passo Fundo (UPF). Possui Mestrado em Letras - área de Leitura e Formação do Leitor (UPF), especialização em Ensino e Aprendizagem de Língua Espanhola (UPF); especialização em Tradução de Espanhol (Gama Filho); graduação em Letras - Língua Portuguesa e respectivas literaturas (UPF); graduação em Letras - Língua Espanhola e respectivas literaturas (UPF). Atualmente, é professora na Universidade de Passo Fundo e no Centro de Ensino Médio Integrado UPF.

Josiane Boff
Doutoranda em Letras na área de Constituição e Interpretação do Texto e do Discurso. Possui graduação em Letras - Português, Inglês e Literaturas (3657) pela Universidade de Passo Fundo (2015) e mestrado em Letras pela Universidade de Passo Fundo (2017). Atualmente é professora de língua inglesa e de anos iniciais - Secretaria Municipal de Educação de Nova Bassano. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa.

Coordenação

Mariane Rocha Silveira - marianesilveira@upf.br