Notícias UPF

Astrônomos criam o primeiro mapa geológico da Lua

  • Por: Revista Galileu
  • Fotos: Divulgação

Para ter uma visão completa do satélite, a Nasa e outras instituições norte-americanas cruzaram dados atualizados com informações obtidas durante as missões Apollo

Pela primeira vez, toda a superfície lunar foi completamente mapeada e uniformemente classificada geologicamente. A proeza foi resultado dos esforços de cientistas do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) em colaboração com a Nasa e o Instituto Lunar e Planetário.

O "Mapa Geológico Unificado da Lua" servirá como base para futuras missões humanas na Lua e será importante para a comunidade científica internacional, os educadores e o público em geral. Segundo os especialistas, o material digitalizado está disponível na internet e mostra a geologia lunar detalhadamente em uma escala de 1: 5.000.000.
"As pessoas sempre foram fascinadas pela Lua e sobre quando poderíamos voltar para lá", disse o atual diretor do USGS e ex-astronauta da Nasa Jim Reilly em comunicado. "Portanto, é maravilhoso ver o USGS criar um recurso que pode ajudar a Nasa a planejar futuras missões."

Para chegar ao resultado final, os cientistas usaram informações de seis mapas das missões Apollo, além de dados atualizados provenientes de satélites enviados à Lua. De acordo com os pesquisadores, as informações foram cruzadas para desenvolver o mapa completo. A equipe também desenvolveu uma descrição unificada da estratigrafia (o estudo das camadas de rocha) do nosso satélite.

"Este mapa é o ápice de um projeto de décadas", disse Corey Fortezzo, geólogo e principal autor da pesquisa. "Ele fornece informações vitais para novos estudos científicos, conectando a exploração de locais específicos na Lua ao resto da superfície lunar."