Notícias UPF

Um instrumento de comunicação que precisa de cuidado e atenção

  • Por: Caroline Simor / Assessoria de Imprensa UPF
  • Fotos: Leonardo Andreoli

Lembrada mundialmente no dia 16 de abril, a Voz é uma importante ferramenta que merece cuidados especiais

O Dia Mundial da Voz é celebrado pela Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa) desde 1999 e, a partir de 2003, teve um impacto internacional com eventos em diversos países, marcando o dia 16 de abril como a data referência. Considerada uma ferramenta de comunicação, a voz é um instrumento que, como qualquer outro, necessita de atenção e cuidados especiais. Para lembrar a ocasião, o curso de Fonoaudiologia da UPF fará uma série de atividades. A primeira será nesta quarta-feira, dia 14, às 21h, na página do Instagram. O debate contará com a participação da fonoaudióloga Janaina Pimenta, que abordará o tema “A importância da voz para a comunicação humana”.

Segundo a coordenadora do curso, professora Dra. Luciana Grolli Ardenghi, a ideia da data é sensibilizar a comunidade para a importância do cuidado com a própria voz e sobre a importância da comunicação, como parte da promoção de saúde. “Queremos conscientizar sobre os sinais e sintomas que favorecem o diagnóstico de outras patologias mais graves. A voz é instrumento de trabalho para muitos profissionais e também é considerada como a identidade de cada pessoa”, pontua.

O que fazer para cuidar?

Como qualquer instrumento, a voz precisa de cuidados específicos. Alguns deles, impactam diretamente na qualidade de vida e na saúde de cada um. 

Entre os comportamentos que colaboram para uma qualidade e bem-estar, a coordenadora destaca:
Não fumar
Não forçar a voz
Não gritar, nem cochichar, o ideal é manter o volume adequado da sua voz
Evitar falar excessivamente em ambientes com barulho, durante exercícios, quando gripado, com dor de garganta ou em crises de alergia
Hidratar, de preferência em temperatura ambiente ou fresca (não gelado)
Evitar bebidas alcoólicas e Sprays, pastilhas e dropes que apresentam efeito anestésico, mascarando os sintomas e permitindo o abuso vocal
Evitar alimentos que podem causar azia ou má digestão
Ter uma alimentação saudável e dormir bem

Além disso, a professora ressalta que, para o profissional da voz, ainda é necessário realizar avaliações médicas preventivas. “Procure orientação antes de iniciar atividade com grande demanda vocal. Articule com precisão as palavras, sem exageros, para que a mensagem seja mais bem compreendida e haja redução do esforço das pregas vocais e, por consequência, da voz”, orienta.

Atividades on-line para promover a reflexão

Além da live no dia 14, um outro encontro está marcado para o dia 16 de abril, às 19h, também na página do Instagram do curso de Fonoaudiologia. De acordo com a professora Luciana, o destaque fica por conta da participação de alguns cantores do programa The Voice Mais. Eles foram convidados a contribuir com a data e darão dicas sobre cuidados com a voz.
 
Na sexta-feira, dia 16, a live será com a fonoaudióloga Gabriela Mendonça, juntamente com a cantora Gle Duran. Os temas da noite serão “Aperfeiçoamento vocal e cuidados com a voz com profissionais da voz” e “Aquecimento vocal, terapia, importância da prevenção, respiração”.

Os encontros são abertos a todos os interessados e terão ainda ações da Campanha de doação de Alimentos da UPF Solidária.