Notícias UPF

Sites dos Programas de Pós-Graduação UPF de cara nova

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Gelsoli Casagrande

Há 20 anos, o lançamento do Mestrado em Agronomia (PPGAgro) dava início à Pós-Graduação stricto sensu na Universidade de Passo Fundo (UPF). Hoje, a Instituição conta com 15 cursos de mestrado e seis de doutorado e todas as informações sobre eles podem ser acessadas pelos usuários com apenas um clique.

Pensando em oferecer um espaço mais atraente e de fácil navegação aos usuários, a Universidade está trabalhando no desenvolvimento de novos sites para os programas de pós-graduação. A atualização iniciou com o novo site do PPGAgro, que pode ser acessado em upf.br/ppgagro, e, mês a mês, será expandida a todos os demais programas. Em abril, será a vez dos programas de pós-graduação em Educação e em História. O trabalho está sendo desenvolvido pelos profissionais da Agência de Comunicação e Marketing (Agecom), por meio da Assessoria de Imprensa da UPF.

Para o vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Leonardo José Gil Barcellos, a criação dos novos sites dos programas de pós-graduação atende tanto à questão estética e de imagem institucional quanto às questões regulamentares da Capes. “Nossos programas estão de cara nova, informando tudo que é importante de uma maneira mais bonita e dinâmica", destaca o vice-reitor.

O desenvolvimento das novas páginas faz parte de um projeto iniciado ainda em 2016, que atualizou o portal institucional da Universidade. As mudanças nas páginas deixam a navegação mais fluida e a nova arquitetura de informação possibilita que o usuário encontre, de forma simples e ágil, as informações na complexidade da infraestrutura da Universidade. Os sites se ajustam automaticamente às telas dos dispositivos usados para acessá-las, o que torna a experiência de navegação agradável. O compartilhamento de notícias e informações também ficou mais simples e intuitivo.

Outra característica dos sites é que eles foram estruturados com recursos que primam pela acessibilidade, facilitando a navegação de todos os usuários. O que significa dizer que foi desenvolvido também pensando nas pessoas com deficiência, mantendo o caráter inclusivo que já é tão peculiar na UPF.