Notícias UPF

Peça Verdades Inventadas será apresentada no dia 11 de outubro

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Reprodução/UPF

Produção retrata, em forma de diálogo, a trajetória de cinco mulheres, promovendo um espaço para a arte, a literatura, a psicologia e a psicanálise. A atividade inicia às 20h, no auditório da Faculdade de Odontologia

A Clínica de Estudos Prevenção e Acompanhamento à Violência (Cepavi) e o projeto de extensão Literatura em Diálogo do curso de Letras da Universidade de Passo Fundo (UPF) promovem a exibição da peça Verdades Inventadas, que acontecerá no dia 11 de outubro, no auditório da Faculdade de Odontologia, às 20h. A peça é uma produção da escritora, com formação em Comunicação Social e Psicanálise, Luiza Moura.

A produção retrata, em forma de diálogo, a trajetória de cinco mulheres: Coco Chanel, Virgínia Woolf, Frida Kahlo, Clarice Lispector e Camille Claudel, relatando suas histórias de vida, dilemas, dor, sofrimento psíquico e a sobrevivência e transformação pela arte e pela criatividade. Verdades Inventadas aborda questões importantes, como abandono, trauma, institucionalização em asilos, orfanatos, hospícios, adoecimento psíquico e suicídio.

As mulheres que apresentam a peça não são atrizes de profissão. São psicólogas, psicanalistas, escritoras, organizadoras de eventos nacionais e internacionais sobre o pensamento vivo de Winnicott. Esse grupo propõe um pensar criativo sobre a psicanálise contemporânea com uma reflexão sobre o sofrimento psíquico, enaltecendo o poder curativo e transformador da literatura e da arte.

A intenção da equipe organizadora é promover um evento singular, expressivo, sensível, inesquecível para todos os que se dedicam às Ciências Humanas, à arte, à educação, à cultura e à literatura. Por tudo isso, constitui um espaço conjunto de diálogo.

Cepavi

A Clínica de estudos, prevenção e acompanhamento à violência (Cepavi) foi criada para realizar intervenções com as vítimas de violência e os agressores; ambos encaminhados por delegacias especializadas, escolas de ensino médio e fundamental e/ou serviços de orientação legal e de apoio social e psicológico. O projeto tem como estratégia a conscientização de toda a população para a rejeição da violência, bem como realiza atendimento psicoterápico individual, em grupo ou familiar.

Literatura em diálogo

O projeto Literatura em diálogo integra o Programa Ensino e Inovação e tem como objetivo desenvolver atividades de acesso a obras literárias em escolas de Educação Básica das redes públicas de Passo Fundo e região, com vistas ao aprofundamento teórico das análises dos textos e à criatividade prática na abordagem metodológica da leitura.