Apresentação

A Semana do Conhecimento, surge no ano de 2014, a partir de dois eventos já consolidados na Universidade de Passo Fundo (UPF), a Mostra de Extensão (MEX) e a Mostra de Iniciação Científica (MIC). Naquele momento, essa integração visava construir novas práticas de ensino, pesquisa e extensão, e ao longo dos anos, o evento constituiu-se com um importante espaço de diálogo, de construção coletiva, de fortalecimento e compartilhamento de redes de saberes e de trocas de experiências, isso permeado por inúmeros desafios.

A cada edição do evento, busca-se aprimorar e qualificar os processos pedagógicos e metodológicos que conduzem as atividades que compõem a Semana, bem como colocar em prática novos desejos que surgem no decorrer das atividades. Através da Semana do Conhecimento, a Universidade contribui na constituição da realidade social, fazendo com que suas ações reflitam e façam refletir nossa vida em sua dimensão local, regional e global, possibilitando espaços que evidenciem ainda mais o conhecimento produzido na universidade.

Neste sentido, a VI Semana do Conhecimento terá como temática a Universidade em transformação: integralizando saberes e experiências, e, acontecerá de 02 a 06 de setembro na UPF. É importante destacar, que a vida universitária, perpassa por diferentes tempos e lugares, sendo fundamental fomentar processos contínuos de transformação, seja para adequar-se ou inovar. Enquanto universidade comunitária, a UPF, por meio da Semana do Conhecimento, procura de forma articulada, dialogada e indissociável dar vida ao que é realizado, investigado, ao mesmo tempo dar voz aos estudantes para que sejam protagonista, contém e escrevam a sua história e da instituição. Entende-se, que é desta forma que se realizarão práticas que deem conta de responder às demandas sociais em uma perspectiva ética e comprometida com um projeto de sociedade democrática e cidadã.

A Semana do Conhecimento visa consolidar espaços permanentes de formação e sensibilização para um olhar integralizado de saberes e experiências sobre as práticas desenvolvidas na nossa universidade, possibilitando colocar tanto o pensar-sobre, quanto o agir-com em um movimento comum. Para isso, torna-se fundamental que os três eixos, ensino, pesquisa e extensão estejam articulados e abertos para pensar e possibilitar transformações que refletem nas distintas realidades.

Cabe destacar ainda, que a partir dessa edição, a gestão da Semana será compartilhada entre ensino, pesquisa e extensão, possibilitando um movimento maior nos espaços, tempos e com os sujeitos que fazem parte da universidade.

Para se inscrever na VI Semana do Conhecimento da UPF clique aqui