Notícias UPF

SABIÁ-LARANJEIRA (Turdus rufiventris)

  • Por: Assessoria de Imprensa

O sabiá-laranjeira é considerado a ave símbolo nacional do Brasil. Mede em torno de 25 cm de comprimento, o macho pesa em torno de 68 gramas e a fêmea, 78 gramas. Tem plumagem parda, com exceção da região do ventre, destacada pela cor vermelho-ferrugem, levemente alaranjada, e bico amarelo-escuro. É uma espécie de ampla apreciação pela população brasileira, especialmente devido ao seu canto característico e a sua aproximação às cidades, sendo citada por diversos poetas e músicos brasileiros.  

Ocorre no Brasil desde o estado do Maranhão ao estado do Rio Grande do Sul, adentrando o Brasil Central até o estado do Mato Grosso; Bolívia, Paraguai, Uruguai e Argentina.

Vive em áreas semiabertas e bordas de matas, nos pomares em cidades e capoeiras. Canta até de madrugada durante o período de acasalamento entre setembro e dezembro. Toma demorados banhos de chuva e se alimenta basicamente de insetos, larvas, minhocas, coquinhos de palmeiras e frutas maduras, incluindo frutas cultivadas como o mamão, a laranja e o abacate. Destacam-se pelo grande potencial dispersor de sementes.

Reforça seu ninho de gravetos e raízes alicerçando-o com barro. A fêmea coloca de 3 a 4 ovos e o período de encubação dura em torno de 13 dias. O macho e fêmea se revezam na construção do ninho e na alimentação dos filhotes.

Frequentemente acabam chocando e criando filhotes de Molothrus bonariensis, popularmente conhecido como chupim. Como os filhotes dessa espécie nascem antes, a sua agitação no ninho em muitos casos, provoca a queda dos ovos do sabiá-laranjeira.

Vivem solitários ou aos casais durante o período de procriação, reunindo-se em maior número e também com outras espécies frugívoras em busca de alimento no mesmo pomar. São territorialistas e demarcam uma área geográfica quando estão em processo de reprodução, não aceitando a presença de outros indivíduos da espécie.

Referências
WIKIAVES. Sabiá-laranjeira. Disponível em: http://www.wikiaves.com.br/sabia-laranjeira. Acesso em: 23 de outubro de 2017. 
SIGRIST, Tomas. Guia de Campo Avis Brasilis: Avifauna Brasileira. São Paulo: Avis Brasilis, 2013.
MOLLER, Letícia Crisleine. COMPORTAMENTO REPRODUTIVO EM SÁBIA-LARANJEIRA (Turdus rufiventris Vieillot 1818). 2005. 38 f. Monografia (Graduação) - Curso de Ciências Biológicas, Zoologia, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2005. Disponível em: <http://www.acervodigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/33606/Monografia Leticia Crisleine Moller.pdf?sequence=1>. Acesso em: 24 out. 2017.