Exposições

A ABERTURA, O ESPAÇO

A exposição A ABERTURA, O ESPAÇO, do artista Elias Maroso, trata da negociação em trazer para dentro do cubo branco o que nele “não cabe”. Em sua poética, Maroso tem como tema projetos de atravessamentos. Para o artista, “o que está para além da parede branca da exposição é estímulo de atividade artística”.
A partir das derivas de Maroso pelos espaços urbanos, o artista desdobra o exercício de observação e apreensão de imagens em fotografias e vídeos, entre outras linguagens. 

Não há limites para a execução de técnicas e para a utilização de diferentes linguagens quando Maroso se propõe a explorar o seu desejo poético. 

A proposta de curadoria desta exposição partiu da intenção em trazer a arte contemporânea brasileira como proposta de reabertura das salas expositivas do Museu de Artes Visuais Ruth Schneider com o intuito apresentar o pensamento do artista e seus questionamentos em pesquisas recentes. Alinhados às observações de Clair Bishop de que “museus são uma expressão coletiva do que consideramos importante na cultura e oferecem um espaço importante para refletir e discutir valores”.

Elias Edmundo Maroso é natural de Sarandi, RS, Bacharel em Desenho e Plástica, Especialista em Design para Estamparia e Mestre em Arte e Tecnologia pela Universidade Federal de Santa Maria. Atualmente, é doutorando em Artes Visuais com ênfase em Poéticas Visuais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Desenvolveu, ainda, curso de Extensão Universitária, através de intercâmbio, na Escuela de Bellas Artes Universidad de la República, UNDELAR, no Uruguai e realizou exposições em Santa Maria, Porto Alegre, São Paulo, Montevidéu e Maldonado (Uruguai) e Florença (Itália). Junto ao grupo multidisciplinar Sala Dobradiça, de Santa Maria/RS, do qual é idealizador, participou da 7ª e 8ª Bienal do Mercosul. Recentemente, foi premiado no Concurso de Arte Impressa do Instituto Goethe Porto Alegre (2019), recebendo a oportunidade de desenvolver residência artística na Alemanha, ainda neste ano, no BBK Berlin Printmakers' Workshop (um dos maiores estúdios de impressão artística não comercial do mundo).

Me.Luciane Campana Tomasini.
Curadora