Notícias UPF

PPGH indica Tese do Ano 2019

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Reprodução

O Programa de Pós-Graduação e História da Universidade de Passo Fundo (PPGH/UPF) concluiu nos últimos dias o processo de indicação da “Tese do Ano 2019”, dentre as defendidas no programa ao longo do ano que passou.

O processo de indicação consistiu na seleção, realizada pelas linhas de pesquisa, da tese representante da linha, considerados critérios específicos formulados para esse fim. Após, as teses foram encaminhadas ao Conselho de Pós-Graduação (CPG), que procedeu à rodada final da classificação.

Como “Tese do Ano 2019” foi indicada “O habitus da violência no campo das relações sociocotidianas – norte do Rio Grande do Sul (1900-1945)”, de Felipe Berté de Freitas. A professora Dra. Ironita P. Machado recebeu o título de Mérito Acadêmico, atribuído ao professor orientador da tese vencedora. As demais teses finalistas receberam Menção Honrosa.

A Tese vencedora será a indicada do PPGH para concorrer ao Prêmio Capes de Tese 2020.

Confira as teses finalistas:

Linha 1: Política e Relações de Poder: Tese: “Nenhuma vontade do povo – O Rio Grande do Sul na Guerra contra o Uruguai e o Paraguai (1863-1870)”, de autoria de Wagner Cardoso Jardim, orientada pelo prof. Mario Maestri e co-orientada no período final, pela prof. Ana Luiza Setti Reckziegel.

Linha 2: Economia, Espaço e Sociedade: “O habitus da violência no campo das relações sociocotidianas – norte do Rio Grande do Sul (1900-1945)”, de autoria de Felipe Berté de Freitas, orientada pela prof. Ironita Policarpo Machado

Linha 3 Cultura e Patrimônio:“Sons da contracultura: o rock no Brasil nas décadas de 1960 e 1970”, de autoria de Alexandre Saggiorato, orientada pelo prof. Gerson Luís Trombetta