Notícias UPF

“O real resiste” é o novo trabalho de Arnaldo Antunes

  • Por: Eugenio Siqueira
  • Fotos: Divulgação/Redes sociais

Arnaldo Antunes divulgou na última sexta-feira (03) um vídeo com o nome das dez canções que estarão em seu novo álbum “O real resiste”. Com arranjos e toques de músicos como Cézar Mendes (violão de nylon), Chico Salem (violão de aço), Dadi Carvalho (baixo, guitarra e violão de 12 cordas) e Daniel Jobim (piano), o álbum foi gravado entre julho e agosto do ano passado, no estúdio paulista Canto da Coruja.

Com músicas inéditas e autorais, o repertório do disco é composto por dez músicas, cujos nomes Arnaldo revelou ao escrevê-las a mão em vídeo postado nas redes sociais do artista.

“O real resiste” é nome da politizada música apresentada pelo artista em single lançado ainda no ano passado e que já causou várias polêmicas: em novembro, após seu lançamento, o vídeo do single, que contém imagens captadas pela Mídia Ninja de manifestações reprimidas com bombas, cassetetes e tiros, teria sido retirado do canal estatal TV Brasil, como forma de censura, pela letra abordar temas como milicianos, terraplanistas, torturadores e fundamentalistas. Segundo o site Congresso em Foco, que cita funcionários da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) como fonte, o nome da vereadora Marielle Franco, assassinada em 2018, e temáticas LGBT, estão “vetados na emissora”.

Além de “O real resiste”, a canção “João” já é conhecida. Apresentada em julho no programa Fantástico, da TV Globo, ela é fruto da parceria de Arnaldo Antunes com o violonista e compositor Cézar Mendes, autor da melodia. Na letra, Arnaldo exalta a grandeza de João Gilberto (1931 – 2019), um dos grandes nomes da Bossa Nova e da música brasileira.

Produzido por Gabriel Leite e pelo próprio Arnaldo, o álbum “O real resiste” tem previsão de lançamento para fevereiro.

Confira as 10 músicas do álbum “O real resiste”:
 1. João
 2. De outra galáxia
 3. Termo morte
 4. Devagarinho
 5. Na barriga do vento
 6. Luar arder
 7. O real resiste
 8. Língua índia
 9. Dia de oca
 10. Onde é que foi parar meu coração