Notícias UPF

UPF realiza cerimônia de diplomação dos cursos de Mestrado e Doutorado

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Camila Guedes, Gabriela Nardi e Monalise Canalle

51 novos mestres e doutores receberam o diploma na noite de sexta-feira, dia 22 de junho

A Universidade de Passo Fundo (UPF) realizou nessa sexta-feira, dia 22 de junho, a cerimônia de diplomação dos cursos de Mestrado e Doutorado, para os trabalhos homologados nos anos de 2017 e 2018. A atividade, promovida pela Vice-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação e pelas coordenações dos programas de pós-graduação stricto sensu, foi realizada no Salão de Atos da Faculdade de Direito (UPF) da UPF, Campus I. Estiveram presentes, além dos alunos concluintes, professores,  familiares e amigos. O vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UPF, professor Leonardo José Gil Barcellos, o vice-reitor eleito, professor Antônio Thomé, e a coordenadora do setor Stricto Sensu da Divisão de Pós-Graduação, professora Rosa Maria Locatelli Kalil, também acompanharam a cerimônia. 

Em sua segunda edição, a iniciativa é, na opinião de Barcellos, um momento importante que reforça o trabalho desenvolvido pelos programas de stricto sensu na UPF. “A importância maior é valorizar a obtenção do título, mostrar para a sociedade a importância de um mestre e de um doutor e oferecer um momento para que eles possam trazer suas famílias, seus convidados, uma vez que normalmente isso não acontece. É uma iniciativa que deu muito certo e certamente vai ser mantida”, destacou o vice-reitor.

Neste semestre, os diplomas foram entregues a 51 mestrandos e doutorandos de 14 Programas de Pós-Graduação oferecidos na UPF. “É um momento de congraçamento em que o aluno consegue se ver em relação aos outros pares, aos colegas do curso; a família também consegue perceber a importância que, muitas vezes, dois, três e até quatro anos em que o aluno fica dedicado à pesquisa têm na vida desse aluno. A gente entendeu que esse é um momento bem importante para garantir esse espaço e essa valorização que a Instituição quer dar para o aluno de pós-graduação stricto sensu”, comentou a professora Rosa.