Notícias UPF

UPF inscreve para mestrados e doutorados

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Arquivo/UPF

Inscrições iniciam nesta segunda-feira, dia 1º de abril, e podem ser feitas até 31 de maio pelo site upf.br/ensino

A Universidade de Passo Fundo (UPF) inicia, nesta segunda-feira, dia 1º de abril, o período de inscrições para os cursos de mestrado e doutorado da Instituição. Neste semestre, serão oferecidos cursos de seis programas, sendo seis mestrados e quatro doutorados. As inscrições podem ser feitas até o dia 31 de maio – com exceção do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEdu), que inscreve até o dia 20 de maio, e do Programa de Pós-Graduação em História (PPGH), que inscreve até 7 de junho – e podem ser realizadas pelo site upf.br/ensino

Entre as novidades deste ano, estão os dois novos doutorados: em Bioexperimentação e em Envelhecimento Humano. Aprovados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) no final de 2018, os novos doutorados são fruto do trabalho consolidado dos Programas de Pós-Graduação em Bioexperimentação (PPGBioexp) e de Envelhecimento Humano (PPGEH), seguindo um processo de ampliação de cursos e de formação continuada na Instituição. De acordo com o vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UPF, professor Dr. Antônio Thomé, o caminho para a aprovação do doutorado do PPGBioexp foi muito rápido. “É um programa muito jovem, iniciou em 2012. Não é comum, então, a gente tem que parabenizar o programa por ter conseguido em um tempo tão curto consolidar seu mestrado e já ter um doutorado com bolsas da Capes. E o outro programa, que é o Envelhecimento Humano, está no seu tempo normal de consolidação, mas também teve seu doutorado aprovado reforçando a qualidade dele”, destacou. 

Entre os programas que estão com inscrições abertas, Thomé também destacou que o PPG em Projeto e Processos de Fabricação (PPGPPF) recentemente recebeu consultores da Capes para avaliação. “Eles saíram muito impressionados com a infraestrutura que esse PPG tem. As pessoas que desejarem fazer esse curso, que é um mestrado profissional, mais ligado com a indústria, terão aqui na UPF todas as condições de desenvolver um ótimo trabalho”, disse o vice-reitor, reiterando a importância dos outros programas, já tradicionais na Instituição. “Temos nossos programas tradicionais, os primeiros que surgiram na Universidade, como o de Educação, exemplo de programa; o de História, que foi o terceiro programa da Universidade; e o em Ciências Ambientais. São programas já bem consolidados, reconhecidos nacional e internacionalmente”, pontuou. 

Mercado para o stricto sensu é promissor
Um levantamento realizado pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), organização supervisionada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), mostra que quem conclui um curso de pós-graduação tem maiores oportunidades profissionais. Em 2014, quase 75% dos doutores titulados no Brasil estavam empregados — no mesmo período, o índice de empregabilidade de mestres era de 65%.

Além disso, a pesquisa também mostrou que a diferença salarial de mestres e doutores, se comparado ao restante da população, é significativa. Em média, um profissional com doutorado recebe R$ 13.861, enquanto o salário de um profissional sem o título é de, em média, R$ 2.449. “O stricto sensu abre portas. Ainda é uma formação em que a gente desconhece o desemprego”, destacou o vice-reitor, acrescentando que o profissional que faz um mestrado ou um doutorado se coloca com muito mais facilidade no mercado de trabalho.

PAE/UPF stricto sensu
Alunos dos cursos de mestrado e doutorado da UPF também podem se candidatar ao Plano de Apoio Estudantil UPF (PAE/UPF) stricto sensu 2019/01 que está com inscrições abertas. O objetivo é oportunizar a todos os alunos dos cursos na modalidade stricto sensu a possibilidade de contratar, a qualquer tempo após a realização da matrícula, financiamento estudantil de 50%. O benefício terá vigência a partir da parcela subsequente à solicitação. Mais informações sobre essa modalidade de financiamento podem ser obtidas no edital.

Confira os programas que estão com inscrições abertas: 

PPG em Bioexperimentação – Mestrado e Doutorado
O Programa de Pós-Graduação em Bioexperimentação tem caráter interdisciplinar e permite que egressos de diversas áreas do conhecimento exercitem a experimentação científica em conformidade com as linhas de pesquisa do programa: Biopatologia, Microbiologia e Imunologia e Produção animal. O programa é um elo entre profissionais da área das ciências da vida e contribui para o desenvolvimento da saúde animal, saúde humana e produção e qualidade de alimentos. Além disso, fomenta o desenvolvimento de importantes segmentos socioeconômicos das regiões Norte e Nordeste do RS, principalmente aqueles relacionados ao agronegócio, à educação e à saúde.
Informações: upf.br/ppgbioexperimentacao

PPG em Ciências Ambientais – Mestrado
O Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais (PPGCiAmb) forma recursos humanos na área de Ciências Ambientais, com diversificado corpo docente, ampla infraestrutura e proposta curricular inovadora. A interdisciplinaridade é o foco principal desse curso, fortalecido por disciplinas compartilhadas com profissionais de diferentes áreas de formação e pela temática das linhas de pesquisa, que são duas: Sociedade e conservação dos recursos naturais e Tecnologia ambiental e sustentabilidade. 
Informações: upf.br/ppgciamb

PPG em Educação – Mestrado e Doutorado
O Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEdu) tem como objetivos a produção e a difusão de conhecimentos que esclareçam e permitam a intervenção em problemas educacionais relevantes para a sociedade e a formação de profissionais especialistas na área da Educação, oportunizando-lhes a construção de elementos teórico-metodológicos necessários à pesquisa educacional. Possui três linhas de pesquisa: Fundamentos da educação, Processos educativos e linguagem e Políticas educacionais. Ao contrário dos demais, as inscrições para o PPGEdu encerram no dia 20 de maio. 
Informações: upf.br/ppgedu

PPG em Envelhecimento Humano – Mestrado e Doutorado
O Programa de Pós-Graduação em Envelhecimento Humano (PPGEH) forma pesquisadores, docentes e profissionais para atender às demandas biológicas, psicossociais, educacionais e de inovação tecnológica, contribuindo para a produção e a socialização de conhecimentos de natureza interdisciplinar e multidimensional do envelhecimento humano. A área de concentração do programa, Envelhecimento Humano, Saúde e Sociedade, compreende o envelhecimento como processo multidimensional que desafia diversos setores da sociedade contemporânea com demandas interdisciplinares. O Programa possui duas linhas de pesquisa: Gerontecnologia e Aspectos Biopsicossociais do Envelhecimento Humano
Informações: upf.br/ppgeh

PPG em História – Mestrado e Doutorado
O Programa de Pós-Graduação em História (PPGH) mantém, em todas as suas iniciativas, o compromisso em formar profissionais de alto nível, comprometidos com o avanço do conhecimento na área de História e com o exercício do ensino, da pesquisa e da extensão e de outras atividades. Criado em 1998, o programa tem como área de concentração História, Região e Fronteiras e possui três linhas de pesquisa: Política e relações de poder; Economia, espaço e sociedade; e Cultura e patrimônio.
Informações: upf.br/ppgh

PPG em Projeto e Processos de Fabricação – Mestrado Profissional  
O Programa de Pós-Graduação em Projeto e Processos de Fabricação (PPGPPF) objetiva contribuir efetivamente para o desenvolvimento tecnológico regional por meio da formação de mestres com orientação profissional para a indústria, além do desenvolvimento de estudos avançados na área de projeto e processos de fabricação, com foco na capacitação técnico-científica para alunos das engenharias e áreas afins. O programa tem como área de concentração Projeto e Processos de Fabricação e tem três linhas de pesquisa: Processos de fabricação; Projeto de máquinas e equipamentos; e Seleção de materiais aplicados ao projeto e fabricação.
Informações: upf.br/ppgppf