Notícias UPF

Quando a especialização faz a diferença na vida profissional

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação

O egresso da UPF Diogo Gomes Taborda conquistou o primeiro lugar em concurso para o Ministério Público logo após concluir uma especialização na Universidade

Se tem alguém com propriedade para responder se uma pós-graduação faz a diferença na vida profissional, essa pessoa é o Diogo Gomes Taborda, 37 anos, promotor de Justiça do Ministério Público do Rio Grande do Sul em Caçapava do Sul. Mas, para chegar até aí, a dedicação aos estudos e o conhecimento adquirido na especialização em Direito Civil e Processo Civil da Universidade de Passo Fundo (UPF), realizada entre 2014 e 2015, foram essenciais. O egresso da UPF conquistou o primeiro lugar no concurso do Ministério Público logo após concluir a pós-graduação na Universidade.

Promotor de Justiça, Diogo Gomes Taborda, egresso da especialização em Direito Civil e Processo Civil da UPF 

Natural de Bagé e atualmente residindo em Caçapava do Sul, onde atua como promotor de justiça, Taborda relembra com muito entusiasmo os passos dessa caminhada profissional. “Após fazer a especialização na UPF, pude me atualizar sobre as novidades tanto da jurisprudência quanto da doutrina. Isso me ajudou muito não só na atividade profissional, mas também durante a realização do concurso para o Ministério Público, visto que tive uma capacidade maior de acertar questões e dissertar sobre temas importantes do Direito”, afirmou.

O conhecimento teórico e prático adquirido na especialização contribuiu para Taborda compreender melhor o direito civil e processual civil, especialmente no que tange às novas tendências da área.  “Quando realizei a pós, já tive contato com o novo Código de Processo Civil (CPC), bem como com as novas tendências do direito de família. A especialização também me possibilitou a publicação de um artigo na revista Síntese de Direito de Família, o que agregou muito ao meu currículo profissional”, comentou o egresso da UPF.

Ter a UPF no currículo também contou para a escolha da Universidade na hora de escolher uma especialização. “Escolhi a pós na UPF porque queria um aprofundamento maior nas matérias de direito civil e processual civil, já que eu estava me preparando para o concurso de promotor. Além disso, essa escolha se deu em razão da necessidade de ter uma boa nota na prova de títulos, e a especialização contou muito. A UPF é uma universidade muito conceituada e ter uma pós nessa Instituição seria ótimo para o meu currículo”, revelou Taborda.

A aprovação em primeiro lugar no concurso para promotor de Justiça ocorreu no ano seguinte ao término da especialização (2016). Além disso, a pós-graduação também contribuiu para o crescimento profissional de Taborda. “A pós-graduação contribuiu decisivamente, tanto de forma subjetiva, agregando conhecimento, quanto de forma objetiva, pois contou um ponto na nota de títulos, o que fez com que minha nota fosse a mais alta do certame. Após a especialização, passei do cargo de assessor para o de promotor de justiça, tendo a especialização contribuído decisivamente para tal feito”, observou o promotor de justiça.

Inscrições abertas para cursos de especialização
Contemplando as mais diferentes áreas, a UPF está com as inscrições abertas para cursos de especialização até 6 de março de 2020. Informações e inscrições no site upf.br/ensino.

Oportunidades de descontos
Para quem realizar a inscrição até o dia 7 de janeiro, haverá desconto de 20% na matrícula. Para os inscritos de 8 de janeiro a 6 de fevereiro, o desconto será de 10%.

Os inscritos que integram o Programa Elos terão uma bolsa de 10%. Para os cursos voltados à área do Direito, ainda é possível usufruir de um desconto de 10%, a partir de uma parceria com a OAB. Esse desconto é extensivo a associados à Ordem e a seus dependentes.