Notícias UPF

Programa de Pós-Graduação em Educação inicia as comemorações dos seus 20 anos de história

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Gelsoli Casagrande

Os 20 anos do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Passo Fundo (PPGEdu/UPF) contarão com uma extensa programação. O primeiro evento comemorativo ocorre nesta quinta-feira e sexta-feira, 23 e 24 de novembro, no auditório da Faculdade de Educação (Faed). A solenidade de abertura ocorreu na tarde desta quinta-feira, com a participação da presidente da Fundação Universidade de Passo Fundo (FUPF), Dra. Maristela Capacchi; a vice-reitora de Graduação, Rosani Sgari (representando a reitoria da UPF); o vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Leonardo José Gil Barcellos; a diretora da Faed, Eliara Zavieruka Levinski; o coordenador do PPGEdu, Dr. Claudio Almir Dalbosco; o coordenador da área de Educação junto à Capes, Dr. Romualdo Portela; e o acadêmico Evandro Consálter (representando os discentes). 

O evento foi prestigiado por acadêmicos e professores de graduação, pós-graduações lato e stricto sensu, mestrado e doutorado em Educação da Faed, além de professores e coordenadores de outros PPGs da UPF e de outras instituições. A apresentação musical foi feita pelos doutorandos do PPGEdu, Aline Morigi e Edugas Lourenço. 

A instauração do curso de Doutorado em 2012 e o conceito 5 conquistado recentemente pela avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento para Pessoal de Nível Superior (Capes) foram aspectos da trajetória do PPGEdu destacados pelo coordenador do Programa. “Essas conquistas foram possíveis porque tivemos um corpo docente e discente que apostou no trabalho coletivo. Também destacamos a qualificação da produção científica e a internacionalização, onde consolidamos importantes convênios nas linhas de pesquisa do Programa. Também enfatizamos o apoio institucional que recebemos”, ressaltou Dalbosco. 

O coordenador do Programa também socializou o Plano de Metas Quadrienal do PPGEdu 2017-2020, que tem como objetivo buscar a consolidação do Programa priorizando a qualificação da produção científica, a internacionalização das atividades acadêmico-científicas e a inserção na educação básica visando a elevação de seu conceito junto à Capes.

O PPGEdu é o segundo Programa de Pós-Graduação instituído pela UPF e já formou, ao longo dessas duas décadas, mais de três centenas de profissionais. “Um programa de pós-graduação rejuvenesce, impulsiona a Unidade Acadêmica, a Universidade e a região, porque ele tem um compromisso social com suas proposições e ações. As pesquisas e práticas fazem a diferença para o desenvolvimento na vida das pessoas”, ressaltou a diretora da Faed, lembrando com carinho que é egressa da primeira turma de mestrado do PPGEdu.

A vice-reitora de Graduação também enfatizou a importância do PPGEdu para a Instituição. “Fui aluna do Programa na década de 1990. As palavras de ordem hoje são reconhecimento e gratidão pela história construída de forma concisa e que transformou a educação. A Instituição reconhece o percurso construído coletivamente. A persistência e a excelência marcam os 20 anos do Programa e também os 60 anos da Faed”, afirmou Rosani.

Avaliação da Capes foi tema de conferência
A primeira conferência do evento foi ministrada pelo vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Dr. Leonardo José Gil Barcellos. O tema foi o “Balanço do quadriênio Capes 2013-2016”. Professor Leonardo mostrou o resultado global da Instituição na avaliação quadrienal da Capes, demonstrando o que isso traz de vantagens e os desafios para a gestão de pós-graduação da Universidade. “O principal destaque da avaliação é que nenhum curso baixou de conceito, o que é muito bom para uma Universidade, que possui 15 programas em andamento. Tivemos seis aumentos consistentes de conceito e atingimos dois conceitos cinco, os dois primeiros da Instituição”, pontuou.

O vice-reitor destacou ainda os resultados excelentes conquistados pelo PPGEdu, que é um dos programas que atingiu o conceito 5 da Capes. “Ao mesmo tempo que o Programa completa 20 anos, ele alcança um resultado fantástico da avaliação da Capes (Conceito 5). O Programa tem um doutorado recente, criado na gestão, e que fez um trabalho tão bom, que contribuiu para que o PPGEdu, como um todo, chegasse neste conceito. É um programa que trabalha sem grandes excessos, mas com nível de publicação altíssimo e com uma discussão profunda das questões de educação e nos orgulha muito”, destacou o vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação.

Ainda durante a tarde, palestrou o professor da University College London, Dr. Tristan McCowan, sobre “A ideia de universidade: a questão do desenvolvimento”. A programação conta ainda com uma conferência à noite com o professor da USP, Dr. Romualdo Portela, sobre “Pós-Graduação no Brasil: situação atual e perspectivas”. 

Programação segue até sexta-feira
Na manhã de sexta-feira, 24 de novembro, acontecerá uma atividade entre os discentes, com relato de experiência do Doutorado-Sanduíche, e à tarde entre os docentes, que consistirá na avaliação dos resultados da quadrienal Capes. Durante a tarde, também está prevista uma palestra sobre “A finalidade formativa da Pós-Graduação”, com os professores Dra. Flavia Werle (Unisinos), Dra. Maria Beatriz Moreira Luce (UFRGS) e Dr. Pedro Goergen (Uniso/Unicamp).