Notícias UPF

Ações da Rede de Cuidados territoriais são apresentadas em evento do Comung

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação

Reitora da UPF apresentou dados sobre o envolvimento e enfrentamento da Pandemia junto à comunidade

Desde a adoção das medidas de isolamento social em função da pandemia do Coronavírus, a UPF tem trabalhado para proporcionar a comunidade acadêmica e regional formas de enfrentar a realidade. Uma das principais ferramentas neste contexto foi a Rede de Cuidados Territoriais, projeto que envolve acadêmicos, professores e funcionários no atendimento à comunidade em diversas frentes e áreas. Na quinta-feira, 12 de novembro, a reitora, professora Dra. Bernadete Maria Dalmolin, apresentou os dados e as ações da iniciativa durante a programação do Fórum de Gestão e Inovação do Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung).

Bernadete integrou a Mesa Redonda: Experiência e posicionamento das comunitárias no enfrentamento da pandemia: E agora?. Em sua fala, destacou a importância das instituições comunitárias e frisou que, ao longo da pandemia, o compromisso e a relevância das universidades ficaram ainda mais evidentes. “Ao acompanhar as comunidades, saímos ainda mais das salas de aulas e viemos realidades impactantes. Vimos a necessidade de estarmos ainda mais próximos e percebemos que juntos podemos crescer, melhorar e partilhar práticas e conhecimentos”, destacou.

Também apresentaram experiências no enfrentamento à pandemia os professores Luís Humberto Villwock (Brothers in Arms), Carlos Eduardo Vianna (Instituto Cultural Floresta), Fernando Rosado Spilki (Feevale), Angelo Hoff (Unisc), Adriana Justin Cerveira Kampff (PUC-RS) e Marta Estela Borgmann (Unijuí)