Microscopia

1.    Avaliação Metalografica (Micrografia e Macrografia)

Em linhas gerias, é o estudo da morfologia e da estrutura internas dos metais, através de estéreo microscópio (baixo aumento) e microscópios óticos e eletrônicos (alto aumento).

Aplicações:

  • Área metal mecânica
  • Análises:
  • Tamanho de grão em aços e ligas;
  • Caracterização de ferro fundido;
  • Avaliação de perfil de soldagem;
  • Controle de camada de pintura;
  • Identificação da presença de tratamento térmico;
  • Quantificação de fases presentes;
  • Identificação de inclusões não metálicas.

2.    Análise de falhas

É um método utilizado para determinar as causas de uma falha catastrófica em serviço. 
Aplicações:

  • Avaliações em industrias em geral e Perícias.

Análises:

  • Análise da fratura e identificação do tipo de mecanismo (Fractografia);
  • Análise química semi-quantitativa por EDS (Energy Dispersive Spectroscopy);
  • Região de iniciação e potencialização de trincas;
  • Caracterização de superfícies;
  • Caracterização de camadas depositadas (revestimentos, prime, etc..)
  • Mensuração de camadas termicamente afetadas.


3.    Avalições em Microscopia eletrônica de varredura (MEV)

É usado como uma técnica de análise e investigação da microestrutura superficial de materiais sólidos, com imagens “tridimensionais” que utiliza um feixe de elétrons como agente gerador de energia.
Aplicações:

  • Engenharias
  • Arqueologia
  • Odontologia
  • Biologia
  • Agronomia
  • Outros.
     
  • Análises em materiais: 
  • Metálicos;
  • Poliméricos;
  • Cerâmicos;
  • Alimentos;
  • Celulósicos;
  • Outros.

4.    Ensaio de Corrosão utilizando Potenciostato – Galvanostato

É um método de ensaio acelerado, que consiste em simular um ambiente corrosivo expondo um corpo de prova a diferentes correntes elétricas e medindo a taxa de corrosão ao longo do tempo.

Aplicações:

  • Área metal mecânica
  • Área química
  • Área Odontológica
  • Análises:
  • Curvas de polarização
  • Impedância 

5.    Ensaio de fadiga em metais

Fadiga mecânica é um fenômeno de ruptura progressiva de materiais sujeitos a ciclos repetitivos de aplicação de carga e descanso. 
Aplicações:

  • Área Metal mecânica
  • Análises:
  • Curva Tensão x número de ciclos (S – N)
  • Tenacidade a fratura em componentes soldados e não soldados.