Extensão

Projeto Feira Ecológica UPF auxilia trabalho de agricultores da região

17/09/2021

13:00

Por: Assessoria de Imprensa

Fotos: Divulgação

Parceria firmada com a Feira Ecológica da Coonalter possibilita o atendimento em diferentes áreas da produção dos cooperados

A Feira Ecológica UPF, projeto de extensão da Universidade de Passo Fundo (UPF), tem por objetivo promover autonomia à comunidade vinculada aos processos agroecológicos e da economia solidária, de forma a contribuir para o desenvolvimento de habilidades e competências no exercício de práticas cooperativas e sustentáveis. Nesse sentido, a Feira organiza diversas ações com agricultores da região, visando auxiliar na qualificação de seus trabalhos, e uma delas ocorre por meio da parceria com a Feira Ecológica da Coonalter, realizada semanalmente no município.

Feira da Coonalter, em Passo Fundo

Segundo a coordenadora do projeto da UPF, professora Me. Maria Elena Amaral Ferreira Bueno, o trabalho desenvolvido junto a Coonalter possibilita a aproximação do território e, por intermédio do diálogo, a assistência aos grupos envolvidos. “Auxiliamos na adequação das práticas às exigências legais - legislações fiscais, segurança alimentar e ambiental; a consolidar práticas de gestão através de assessoria permanente nas questões legais e de gestão das propriedades e do modelo de negócios; a articular as ações com as políticas públicas específicas acerca da agricultura familiar, agroecologia e produção orgânica; a sensibilizar a comunidade para o consumo consciente e saudável, entre outras atividades”, comenta.

Além de contar com o apoio da Feira Ecológica UPF, as ações executadas envolvem outros projetos de extensão da Universidade, como os projetos “Promovendo Saúde e Qualidade de Vida” (Nutrição), que presta ajuda na elaboração das tabelas nutricionais, para os rótulos dos alimentos processados; “UniverCidade Educadora: Fazendo a Lição de Casa” (Pedagogia), com práticas relacionadas à saúde e ao meio ambiente, cuidados com o solo e água, sementes, etc.; e o “Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal” (Ciências Contábeis), auxiliando com questões tributárias. Também há a participação dos projetos “Balcão do Trabalhador” (Direito), que realiza atividades sobre os direitos do trabalhador rural e práticas cooperativas; e “Cesta Básica” (Ciências Econômicas), com o comparativo de preços entre os alimentos orgânicos da feira com os dos mercados e outras feiras regionais, e a abertura de novos mercados.

De acordo com Maria Elena, essa multidisciplinaridade beneficia os cooperados, representados por 15 grupos familiares de agricultores da região, compostos por diversas famílias, totalizando 74 associados, e também a população. “Os cooperados contam com auxílio à resolução de várias demandas (legais, técnicas, econômicas e humanas), ou seja, a organização produtiva e econômica das famílias agricultoras. Já a comunidade em geral, com produtos agroecológicos, alguns certificados com o selo de orgânicos (cumprem com todos os requisitos legais), com a sensibilização/educação ao consumo consciente e cuidados com a saúde e o meio ambiente”, destaca a docente, lembrando que desde o início do projeto várias edições da Feira Ecológica UPF foram concomitantes à eventos envolvendo questões ambientais.

Nova ação na pandemia: a venda on-line
Outra iniciativa realizada pela Feira Ecológica UPF e a Coonalter acontece na pandemia de Covid-19. Conforme Maria Elena, durante a pandemia, as edições da Feira Ecológica UPF foram suspensas e as feiras das praças, por um período de tempo, também. 

Além disso, os agricultores associados à cooperativa tiveram a suspensão no fornecimento de alimentos para a merenda escolar (PNAE), retomado apenas este ano e de forma reduzida. “A solução encontrada para garantir renda aos cooperados e continuar fornecendo alimentos saudáveis à comunidade foi a organização da venda on-line. O projeto de extensão auxiliou na busca por um aplicativo que proporcionasse a realização dessa atividade e da logística. No auge da pandemia, em 2020, foram comercializadas, em média, 130 cestas de produtos orgânicos. Além disso, muitos consumidores tomaram por hábito escolher os produtos de forma on-line e recebe-los no conforto de suas casas”, relata.

Na opinião da professora, todo o trabalho realizado contribui com a formação dos estudantes envolvidos no Projeto Feira Ecológica UPF e com a vida dos agricultores. “A Universidade proporciona aos acadêmicos uma formação integral e cidadã, por meio do contato com a realidade do território, o atendimento a demandas específicas através de diversos cursos e disciplinas (cases para curricularização da extensão e pesquisas acadêmicas). Os agricultores familiares, com a realização da Feira e a comercialização on-line, conseguem a geração de renda necessária para manterem-se no campo. Por sua vez, a comunidade em geral tem a possibilidade de circuitos curtos de comercialização, ou seja, sem intermediários entre o produtor e o consumidor, reduzindo os custos na aquisição de alimentos orgânicos”, afirma Maria Elena.

Equipe do projeto junto com o vice-reitor de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Assuntos Comunitários, Dr. Rogerio da Silva

Funcionamento da Feira Ecológica da Coonalter
Para conferir as ações desenvolvidas, prestigie a Feira Ecológica da Coonalter. Ela acontece aos sábados, das 6h às 12h, na Praça Irmã Maria Catarina (Boqueirão), na Praça Antonino Xavier (em frente ao Hospital de Clínicas) e na Praça Capitão Jovino (Santa Terezinha), em Passo Fundo.

INSCREVA-SE