Especialização em Cuidado Interdisciplinar no Envelhecimento Humano - 2ª ed. Especialização em Cuidado Interdisciplinar no Envelhecimento Humano - 2ª ed.

O curso de especialização em Cuidado Interdisciplinar no Envelhecimento Humano se funda numa perspectiva interdisciplinar e, assim, propõe que profissionais de distintas áreas do saber reflitam acerca de conceitos como família, políticas de proteção, cuidado e interdisciplinaridade, estes que são eixos articuladores das disciplinas e que transversalizam todas as disciplinas do curso, com vistas à construção de novas formas de pensar e construir processos de cuidado, sobretudo ao compreender que os sujeitos são, na sua essência, sujeitos provedores e receptores de cuidado.

Essencialmente interdisciplinar, o curso proporciona a interlocução entre as áreas da saúde, das ciências sociais aplicadas e das ciências humanas. Parte-se da concepção de que os diferentes profissionais, em suas práticas junto à população idosa, se constituem como cuidadores e, com isso, molda-se uma identidade comum entre os distintos campos do saber envolvidos no curso. Assim, dentro da proposta interdisciplinar dessa especialização, pretende-se o diálogo permanente entre as diferentes áreas do conhecimento na perspectiva da construção de novas sínteses. Para tanto, são propostos estudos e discussões que têm como ponto de partida conceitos que alicerçam e perpassam transversalmente o curso, tais como: interdisciplinaridade, cuidado, família, saúde e políticas de proteção. Assim, visando garantir a articulação e a produção das sínteses, cada disciplina terá um professor responsável por tais procedimentos.

A questão do envelhecimento humano como temática crescente passa a se destacar nos debates sobre as novas configurações sociais, surgindo como demanda de trabalho das distintas profissões que se ocupam das práticas de cuidado junto às políticas sociais como saúde, assistência e previdência social. Segundo dados do IBGE, a população idosa brasileira aumentará quatro vezes até 2060. Isso demonstra o quanto a questão do envelhecimento tem se tornado uma preocupação emergente, que traz consigo um conjunto de temas como autonomia, saúde, violência, relações familiares, redes de proteção, entre outros diretamente relacionados a esse segmento.

Sendo assim, a atualidade e a complexidade do tema denotam o quanto os profissionais de distintas áreas necessitam estar preparados teórica, ética, técnica e politicamente para a intervenção com idosos e suas famílias, independentemente do espaço onde atuam. Essa realidade emergente introduz novas demandas em termos de formação profissional e desafia os diferentes campos do conhecimento à construção de práticas de cuidado capazes de olhar para o sujeito idoso numa perspectiva complexa, que integre os aspectos biopsicossociais de sua realidade. Pode-se afirmar, assim, que a temática do envelhecimento humano introduz os profissionais em cenários que evidenciam limites das tradicionais práticas fragmentadas e, ao mesmo tempo, demandam o deslocamento para concepções de caráter interdisciplinar.

Objetivos da especialização

Formar especialistas, em nível de pós-graduação lato sensu, para o trabalho com o público idoso com vistas à promoção de práticas de cuidado orientadas por uma perspectiva de trabalho integral e interdisciplinar, pautada na lógica dos direitos e na dignidade humana.

Público-alvo

Profissionais de áreas como Serviço Social, Psicologia, Pedagogia, Educação Física, Fisioterapia, Enfermagem e demais áreas interessadas que atuem ou possuem interesse em atuar com o segmento idoso em setores do Estado, mercado ou sociedade civil.

Coordenação

Me. Lizandra Hoffmann Passamani

Funcionamento

Local: Faculdade de Educação (Faed), Prédio D3, Campus I, Passo Fundo
Aulas: em regime quinzenal, às quintas e sextas-feiras à noite e, ocasionalmente, aos sábados pela manhã (o cronograma está sujeito a alterações, dependendo da agenda dos professores).
Período: 24 meses

Contato

E-mail: faedpos@upf.br
Telefone: (54) 3316-8290 Ramal: 8295