NOTÍCIAS
Imprimir

09/01/2013 - 17:03

História Missioneira é assunto do Momento Patrimônio da UPFTV

Programa foi gravado nas Ruínas de São Miguel e vai ao ar nesta sexta-feira (11/01), às 21h, pelo canal 04 da TV aberta ou 08 da NET

Foto: Divulgação UPF
Equipe gravou programas nas Missões
Exibir em nova janela

O programa especial Momento Patrimônio da UPFTV vai ao ar nesta sexta-feira (11/01), às 21h, com o tema História Missioneira. A produção foi gravada no Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo, na cidade de São Miguel, que fica a 260 quilômetros de Passo Fundo.  No mês de dezembro de 1983, o espaço foi declarado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) como Patrimônio Cultural da Humanidade, e atrai até hoje turistas de distintos povos do mundo.

A história se torna patrimônio quando resgata o passado, de forma que se torne essencial para a permanência da identidade cultural de um povo, por isso, o programa tratou da relação entre patrimônio histórico e patrimônio cultural. Da mesma forma, levantou questões referentes ao legado da região missioneira para o Rio Grande do Sul, entre outros apontamentos. Participaram da discussão o jornalista e professor do Programa de Pós-Graduação em História da UPF, Tau Golin, a professora do Programa de Pós-Graduação em História, Marlise Regina Meyrer, e a arte-historiadora e professora da Faculdade de Artes e Comunicação da UPF, Jacqueline Ahlert.

O programa é reapresentado no domingo (13/01), às 22h, pela UPFTV - canal 04 da TV aberta ou 08 da NET.

Projeto premiado

O projeto Momento Patrimônio, realizado pelo curso de História da Universidade de Passo Fundo (UPF), com o apoio do Museu Histórico Regional, do Arquivo Histórico, da Rádio 99UPF e produzido e exibido pela UPFTV, recebeu o prêmio Darcy Ribeiro, do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), autarquia federal, vinculada ao Ministério da Cultura, edição 2012. O prêmio foi publicado no Diário Oficial da União do dia 19 de novembro de 2012. O Prêmio Darcy Ribeiro apoia práticas e ações de educação museal que, por meio das diversas relações de mediação com o público, levam à apropriação, em sentido amplo, do patrimônio cultural, valorizando-o e promovendo sua preservação. Além do Rio Grande do Sul, iniciativas de São Paulo, Santa Catarina, Bahia, Goiás e Minas Gerais também foram contempladas.


Mais Notícias
- Vice-reitora da UPF participa do Fórum Nacional de Extensão e Ação Comunitária (ForExt) Câmara Sul
- Maicon Mancuso compete em Porto Alegre no domingo (1º)
- Licenciaturas da UPF participam de encontro do Comung
- “Poder e mídia: usos da democracia e impeachment” foi tema de aula pública na UPF
- Faculdade de Direito recebe palestras sobre CPC e Mercosul
- Plenária do Coaju realiza visita técnica em empresas de mineração e geração de energia
- Primeiro simulado online do Enem será realizado neste sábado(30)