Notícias UPF

UPF promove exposição em Dia de Mobilização pelo Trânsito Seguro

  • Por: Jéssica França
  • Fotos: Gelsoli Casagrande

A Universidade de Passo Fundo (UPF), por meio da Faculdade de Artes e Comunicação (FAC) e do curso de Artes Visuais, em parceria com a Divisão de Extensão e Assuntos Comunitários, promoveu, nesta segunda-feira, 18 de setembro, Dia de Mobilização pelo Trânsito Seguro, a intervenção ghost bikes (bicicletas fantasmas). A ação foi desenvolvida no Largo da Literatura.

De acordo com a coordenadora do curso de Artes Visuais, professora Mariane Loch Sbeghen, a intervenção promove a conscientização para a segurança no trânsito. É o terceiro ano em que é trabalhada a intervenção no tema ghost bikes. “Em função de muitos dos nossos alunos serem adolescentes e aqui em Passo Fundo as pessoas utilizarem muito a bicicleta, optamos por realizar novamente a ghost bikes, que é um movimento internacional que instala bicicletas brancas em locais de acidentes fatais com ciclistas, como memoriais. Nós não queremos que ocorram acidentes aqui, por isso, marcamos a data chamando a atenção das pessoas para que tenham mais consciência, amor, cuidado, paciência e gentileza no trânsito”, destacou.  
Os materiais utilizados na intervenção são reaproveitados, peças de bicicletas foram pintadas na cor branca simbolizando a paz, enquanto as flores vermelhas que integraram a exposição remetem à atenção à violência. Acadêmicas do curso de Artes Visuais e bolsistas Paidex do Programa Comunidade Sustentável integraram a ação conversando com pedestres que passavam pelo Largo da Literatura. 

A ação é realizada em conjunto com a Secretaria Municipal de Segurança Pública, integrando a Semana Nacional de Trânsito, que acontece de 18 a 22 de setembro. Neste ano, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) definiu como slogan da campanha “Minha escolha faz a diferença no trânsito”, tema que acompanha a evolução das ações de educação de trânsito do Denatran e também as ações da “Década Mundial de Ações Para a Segurança do Trânsito – 2011/2020”. 

A principal finalidade da campanha é conscientizar o cidadão de sua responsabilidade no trânsito, destacando ações de prevenção como o cuidado do pedestre antes de atravessar a rua, motoristas evitando distrações no trânsito como atender ao celular; usar o cinto de segurança e o respeito aos limites de velocidade. “A intervenção urbana cria uma galeria a céu aberto, permitindo à população vivenciar manifestações artísticas no dia a dia. De livre acesso, a atividade estimula infinitas leituras e experimentações estéticas diferentes em camadas sociais e faixas etárias. Também oferece às novas gerações um contato mais próximo com o universo da arte contemporânea”, finalizou Mariane.