Notícias UPF

Projeto de educação financeira realiza oficina na Escola Ernesto Tochetto

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Fotos: Divulgação

Projeto de extensão da Universidade de Passo Fundo repassa noções básicas de economia e gestão de finanças

A Universidade de Passo Fundo, por meio da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis (UPF/Feac), realizou nesta quinta-feira, dia 18 de maio, mais uma edição do Programa de Educação Financeira nas Escolas. A atividade está incluída nas ações do projeto de extensão universitária da UPF “Educação financeira, endividamento e gestão das finanças pessoais”. A oficina foi realizada com 50 alunos do 3º ano do ensino médio da Escola Estadual de Ensino Médio Ernesto Tocchetto. No dia 9 de maio, o projeto já havia realizado uma oficina na escola para os professores com o intuito de apresentar a proposta de ação pedagógica.

O professor do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) e da Feac UPF, Ginez de Campos, destaca que a ação pedagógica está relacionada ao Programa de Educação Financeira nas escolas, que faz parte da Estratégia Nacional de Educação Financeira (Enef), instituída em dezembro de 2010, por meio do Decreto Presidencial nº 7.397. A equipe responsável pelo desenvolvimento da oficina conta também com a colaboração da professora do curso de Ciências Econômicas da Feac, Amanda Guareschi, além da participação da acadêmica Gabriela Fontoura de Godoi, que é bolsista do Programa de Apoio Institucional a Discentes de Extensão e de Assuntos Comunitários (Paidex) da Universidade de Passo Fundo. O projeto conta ainda com o apoio da empresa XPF Investimentos e também da Feac Jr. (Jovens Talentos Empreendedores da Feac /UPF).

Metodologia de trabalho

A metodologia desenvolvida nas escolas piloto tem como referência o desenvolvimento de oficinas de formação e capacitação de professores e alunos visando inserir o tema da educação financeira na proposta pedagógica da escola. A abordagem transversal da educação financeira proporciona a tematização de noções básicas de economia e de gestão das finanças pessoais articulados com as disciplinas do currículo escolar das escolas.

Estratégia Nacional de Educação Financeira

A Enef é uma política pública de âmbito nacional que reconhece a educação financeira como ferramenta de inclusão social, de melhoria da vida do cidadão e de promoção da estabilidade, concorrência e eficiência do sistema financeiro do país visando consolidar a cidadania financeira.

Para dar suporte às ações desse programa, foi instituída a Associação de Educação Financeira do Brasil (AEF-Brasil), que, por sua vez, é a organização responsável pela coordenação e execução dos projetos da Enef em todo Brasil. Por conta dessa Estratégia Nacional, o MEC resolveu apoiar a inserção da educação financeira nos temas da atualidade sugeridos para compor a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) das escolas de educação básica por determinação do Plano Nacional de Educação (PNE).