Notícias UPF

Docente da UPF esteve presente em congressos no México

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação

O professor Me. Ben Hur Soares, do curso de Educação Física da Universidade de Passo Fundo (UPF), participou do XXI Congresso Internacional de Ciências de La Cultura Física e do X Congresso Euro Americano de Motricidade Humana. Os eventos ocorreram de 14 a 16 de setembro, na cidade de Chiuhuahua, México, e reuniram mais de 2 mil inscritos.

Na ocasião, o docente proferiu a palestra "El envejecimento activo en la era digital", temática originada de sua dissertação de mestrado apresentada no Programa de Pós-Graduação em Envelhecimento Humano (PPGEH) da UPF. “O debate abordou a possibilidade de criação de oficinas para idosos com a utilização de videogames como ferramenta de sociabilização, atividade física, aprimoramento da atenção, concentração, linguagem e autoconfiança”, relatou Soares.

Além de ter sido um dos palestrantes, o professor apresentou mais sete temas livres oriundos de estudos e pesquisas de trabalhos de conclusão de curso dos alunos da graduação que foram orientados por ele. Os trabalhos apresentados foram: “Capacidade funcional em idosos que participam de programas de exercícios físicos uma vez por semana”; “Comparação da frequência cardíaca e pressão arterial no exercício resistido”; “Comparação de força máxima em diferentes tipos de testes”; “Influências da ginástica laboral e atividade física nas ler e dort em funcionários de agências bancárias”; “Percepção da intensidade da aula de treinamento funcional, através da frequência cardíaca”; “Comparação da potência de membros inferiores entre atletas de alto nível e surdos praticantes de futsal”; e “Variação de indicadores de saúde com a prática da ginástica laboral”.

Para Soares, a presença nesse tipo de congresso é de suma importância profissional, pelo reconhecimento do trabalho promovido em uma de suas linhas de pesquisa e pela representatividade como professor do curso de Educação Física da UPF, levando para outros países o conhecimento desenvolvido na Instituição e trazendo novas possibilidades de contato e experiências enriquecedoras para os alunos. “O convite e a participação em eventos internacionais reforça ainda mais a ideia da qualidade do nosso quadro de docentes e da formação recebida pelos nossos alunos, profissionais do amanhã”, comentou.