Notícias UPF

50 anos da UPF são celebrados na Câmara de Vereadores de Sarandi

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Gelsoli Casagrande

Sessão solene em homenagem à Instituição foi realizada na noite dessa segunda-feira, 14 de maio

Uma sessão solene em homenagem aos 50 anos da Universidade de Passo Fundo (UPF) foi realizada, na noite dessa segunda-feira, 14 de maio, na Câmara de Vereadores do município de Sarandi. A homenagem, que teve a presença do reitor da UPF, professor José Carlos Carles de Souza, reuniu também autoridades, professores, funcionários e acadêmicos da Instituição, além da comunidade, no Palácio Legislativo Naum Grossi, para a entrega de uma placa comemorativa. 

A homenagem foi proposta pela mesa diretora da Câmara, composta pelos vereadores Airton Ortiz (presidente), Wilmar José de Azeredo (vice-presidente), Rudimar Signor (1º secretário) e Alex Antônio Rodrigues (2º secretário). De acordo com o presidente da Câmara, a UPF foi um marco em Sarandi, dividindo o município em antes e depois da Instituição. “Após a vinda da Instituição para cá, a cidade cresceu e muito, em todos os setores. Essa homenagem justa está sendo feita pela importância que a Instituição tem para o nosso município. A UPF só veio para agregar e melhorar em todos os sentidos o nosso município”, disse Ortiz. 

Instalado em 2003, o Campus Sarandi é o mais novo na Instituição. Com uma ampla infraestrutura, o espaço acolhe mais de 700 alunos, oriundos de 14 municípios da região. O histórico prédio que abriga o Campus conta com biblioteca, três laboratórios de informática e um laboratório de enfermagem, onde são oferecidos os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Direito, e o Curso Técnico em Enfermagem. “Vir aqui falar da Universidade, das suas conquistas, das suas contribuições para o desenvolvimento da comunidade, especificamente aqui da cidade de Sarandi, é um motivo de muita alegria para todos nós, principalmente por tudo aquilo que a UPF oferece, tanto na formação de profissionais ou no oferecimento dos serviços mais diversos quanto na participação do desenvolvimento, ou seja, acompanha o crescimento do município conforme vai desenvolvendo suas atividades. Estamos muito felizes com esta homenagem”, declarou o reitor da UPF.

Para o diretor do Campus, professor Gilberto Colli, em seus quase 15 anos de instalação, o Campus foi protagonista, não apenas na educação, mas também no desenvolvimento e no crescimento do município de Sarandi. “Nós estamos inseridos nesta e em mais 14 outras comunidades que fazem parte da jurisdição de Sarandi, e temos o apoio de todos os munícipes, pois a UPF tem uma marca, uma tradição, e, além de tudo isso, uma qualidade de ensino. Isso representa o diferencial que a Instituição tem e devemos continuar cada vez mais colaborando nesse sentido, para que quando nossos alunos concluírem sua formação encontrem, cada vez mais, abertas as portas do mercado de trabalho”, ressaltou o diretor.

Presente na sessão, o primeiro diretor do Campus, professor Mauro Rocha, disse não ter dúvidas de que o norte do estado gaúcho deve ter muito orgulho de contar, há 50 anos, com uma instituição do gabarito da UPF. “Esse é um momento de muita satisfação, de muito orgulho e de muita emoção. Eu tive uma trajetória muito boa e muitas boas oportunidades na UPF e por isso surge uma palavra: gratidão. Eu sou extremamente grato à UPF e tenho certeza de que Sarandi, Palmeira da Missões e todas as cidades que abrigam o sistema multicampi são cidades que reconhecem o valor e a importância desta Instituição que eu considero, com respeito às demais, a maior referência do norte do estado”, comentou. 

Desenvolvimento regional
A presença da UPF no município e na região permitiu a ocupação de um importante espaço geoeducacional e uma constante participação no desenvolvimento regional, por sermos uma universidade comunitária, que nasceu comprometida com os anseios e as aspirações da região e que tem a formação humana como seu centro. Prefeito na época da instalação do Campus e representante da Comissão Pró-Ensino Superior, Reinaldo Antônio Nicola destacou o trabalho da UPF nesses 50 anos em prol do conhecimento, não apenas em Passo Fundo, que, segundo ele, teve sorte de ter pessoas que olharam para frente e que construíram uma instituição deste porte. “Se andarmos pelo mundo, certamente a UPF será conhecida. Esse trabalho de 50 anos nos convence de que o conhecimento, a cultura, a pesquisa, uma universidade bem gerida, não tem fronteiras. A UPF, de Passo Fundo, levou conhecimento para o Rio Grande, para o país e para o mundo, por isso, eu quero cumprimentar a toda a família UPF por tudo que tem feito em favor da educação, em favor do nosso estado e do nosso país”, pontuou. 

O atual prefeito de Sarandi, Leonir Carozo, disse que a iniciativa da homenagem é uma forma de dizer muito obrigado à UPF. “Sarandi confia e acredita na UPF. A Universidade é um marco na história de Sarandi e nós devemos muito do nosso progresso à sua instalação no município. Então, a nossa cidade é muito agradecida pela UPF, pela forma como ela está sendo gerida, pelos inúmeros estudantes que vêm à nossa cidade em busca do conhecimento”, completou. 

Galeria de Vídeos