Notícias UPF

UPF Carazinho promove palestra sobre dívida pública e gasto social

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Divulgação

A comunidade acadêmica da Universidade de Passo Fundo (UPF), campus Carazinho, participou de um debate sobre a atual situação financeira e política do Brasil. A palestra “O custo do financiamento da dívida pública federal e seu efeito no gasto social: um diálogo necessário entre a Economia, o Direito e a Administração Pública” foi ministrada pelos professores da UPF, Me. Julio Cesar Giacomini, Dr. André da Silva Pereira e Me. Sandra Toledo, além do diretor do campus Carazinho, professor. Me. Helio Bullau.
Participaram do evento professores e mais de 200 acadêmicos dos cursos de Direito, Administração e Contábeis. 

Segundo o professor Giacomini, é necessário debater a dificuldade econômico-financeira do país em prover as necessidades básicas para seus cidadãos, difundindo o conhecimento acerca das contas públicas nacionais, identificando as falhas na gestão, na condução das políticas públicas econômicas, a fim de que a população fiscalize com maior empenho a atuação dos agentes públicos.  “Pelo quarto ano sucessivo, a União Federal opera com déficit, o que quer dizer que não gera um centavo de superávit primário a fim de custear o giro da dívida pública. Isso tem consequências, como o fato de que o saldo negativo tem sido anualmente reincorporado no saldo da dívida e refinanciado a custos crescentes, o que solapa a capacidade do Estado em realizar as suas políticas públicas de cunho social”, ressaltou.

O professor Pereira apresentou demonstrativos dos números relativos ao estoque da dívida, sobre a variação do PIB que tem sido negativa. Também mostrou números relativos ao Rio Grande do Sul. Já a professora Sandra analisou com dados da Secretaria do Tesouro Nacional a forma pela qual a União tem financiado a sua dívida.
No encontro, o professor Bullau destacou a importância das diversas visões de áreas acadêmicas que contribuíram para o enriquecimento do debate. O debate reuniu acadêmicos das áreas jurídica e econômica em um evento marcado pela multidisciplinaridade.