A Universidade

Responsabilidade Social

Construída de forma coletiva, a Política de Responsabilidade Social Universitária (PRSU) oficializa e orienta o compromisso da UPF com o desenvolvimento social da região e do país em que está inserida. A implementação dessa Política revela o esforço da Instituição na perspectiva de responder, com criatividade e inovação, aos desafios postos pela sociedade contemporânea, expressos, inclusive, em atos normativos do Ministério da Educação (MEC) e seus órgãos vinculados, como o Conselho Nacional de Educação (CNE) e a Comissão Nacional de Avaliação (Conaes), que instigam as universidades a pautarem suas políticas e ações com responsabilidade social.

A vinculação com a comunidade e o compromisso com o desenvolvimento regional foram incorporados à natureza da Instituição para além de seu compromisso social e político. Para a UPF, portanto, ser comunitária tem um significado histórico e carrega a noção de identidade, de responsabilidade coletiva e de cooperação, tanto com a comunidade em que está inserida quanto com as instituições coirmãs que integram o Consórcio de Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung) e a Associação Brasileira das Universidades Comunitárias (Abruc), que expressam a mesma finalidade social.

A UPF foi concebida para participar do processo de desenvolvimento humano, social, educacional, cultural, econômico e tecnológico da região Norte do Rio Grande do Sul, onde mantém sua sede e onde, de forma extremamente comprometida, recebe alunos de várias outras regiões do estado e do Brasil. A Instituição, contudo, não restringe sua atuação a limites regionais, uma vez que se consolida como referência no que diz respeito a intercâmbios e relações de cooperação com países de todos os continentes.

Transversal às ações da UPF, a sua Política de Responsabilidade Social materializa a articulação entre ensino, pesquisa, extensão e gestão, expressos em seus diversos cursos e programas acadêmicos e administrativos. Hoje, a Universidade configura-se como uma Instituição totalmente inserida na prática social, assegurando a pertinência de suas ações e a sua inclusão nos planos local, regional, nacional e internacional.

O processo de gestão da Universidade é conduzido de modo colegiado e com foco em princípios como a universalidade e o acesso ao conhecimento das pessoas que constituem a comunidade acadêmica e daqueles em que a Instituição estabelece relações institucionais.  Nesse formato, os processos de tomada de decisão oportunizam a todos o acesso ao conhecimento e, assim, organizam um sistema sustentável e garantem sua evolução e continuidade.

Finalidade

A Política de Responsabilidade Social da UPF é alicerçada no Planejamento Estratégico, no Plano de Desenvolvimento Institucional e no Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior (Sinaes). As discussões e as ações que envolvem seu desenvolvimento são orientadas pelo objetivo geral de “implementar na Instituição um sistema de governança organizacional baseado nos princípios e diretrizes de responsabilidade social definidos institucionalmente, o qual possibilite tomar decisões e realizar ações de identificação dos impactos sociais, ambientais e econômicos no contexto de atuação institucional, promovendo a cidadania, os direitos humanos e a sustentabilidade para as atuais e futuras gerações”.

O processo é constituído pelo trabalho desenvolvido em quatro grandes áreas de atuação, que estão previstas nos documentos da UPF e que foram contempladas para a definição da Política. Desse modo, as iniciativas da PRSU da UPF serão orientadas pelas seguintes áreas: inclusão social, desenvolvimento econômico e social, meio ambiente, preservação da memória e patrimônio cultural.

Para dar suporte ao desafio que envolve a constituição das práticas de responsabilidade social e   considerando as necessidades de colaboração de pessoas que se vinculam com áreas temáticas e/ou setores estratégicos relacionados à Política, a Universidade formou uma comissão de implementação da PRSU. A partir de reuniões semanais, os participantes estudam, refletem e discutem sobre as áreas e sua aplicação dentro da Instituição.

Os encontros são mediados pela vice-reitora de Extensão e Assuntos Comunitários, professora Bernadete Dalmolin, e contam com a participação da professora Clenir Maria Moretto, vinculada à mesma Vice-Reitoria; das professoras Cristina Fioreze e Patrícia Valério, vinculadas à Vice-Reitoria de Graduação; do professor Nadir Pichler, vinculado à Vice-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, e de Aislan Freitas, vinculado à Vice-Reitoria Administrativa.

Tradição e Responsabilidade Social reconhecidas

A UPF também recebeu nos últimos anos outros importantes prêmios:

- Medalha Responsabilidade Social, concedido pela Assembleia Legislativa;
- Prêmio de Responsabilidade Social, concedido pela Assembleia Legislativa;
- 6º Prêmio de Responsabilidade Social, promovido pelo Sindicato do Ensino Privado Sinepe/RS; 
- Santander Universidades: Prêmio Guia do Estudante – Destaques do Ano 2013 – Categoria Autoavaliação Institucional, pelo projeto Planejamento Estratégico como Ferramenta de Autoavaliação e de Gestão, do curso de Engenharia de Alimentos, da UPF.