Notícias UPF

Pibid Capes UPF: vivências que transformam os futuros professores

  • Por: Assessoria de Imprensa
  • Fotos: Gelsoli Casagrande

Seminário Institucional reuniu pibidianos - acadêmicos bolsistas dos cursos de licenciatura da UPF - coordenadores de área dos 17 subprojetos em desenvolvimento e professores supervisores de área das escolas conveniadas de Passo Fundo e região

Experiências que se tornam grandes aprendizados, a vivência prática das metodologias de ensino e o desenvolvimento de atividades que propiciam aos estudantes bolsistas um contato direto e contínuo com o ambiente escolar, reconhecendo e interagindo com as potencialidades e demandas da escola pública desde o início de sua formação profissional. Assim se descreve a vivência oportunizada pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid).

Vinculado à Capes e à Vice-Reitoria de Graduação da Universidade de Passo Fundo (VRGRAD/UPF), o Programa teve início em 2010 e, ao longo de mais de sete anos de vigência na UPF, proporcionou a aproximação entre a Universidade e as escolas de educação básica. Com o objetivo de socializar o impacto do Programa na formação dos acadêmicos das licenciaturas da UPF, bem como de evidenciar a importância da relação com as escolas de educação básica parceiras, foi realizado, nesta quinta-feira, dia 30 de novembro, o Seminário Institucional Pibid Capes UPF.

A abertura oficial reuniu pibidianos – acadêmicos bolsistas dos cursos de licenciatura da UPF, – coordenadores de área dos 17 subprojetos em desenvolvimento e professores supervisores de área das escolas conveniadas de Passo Fundo e região. Estiveram presentes a vice-reitora de Graduação, Rosani Sgari, e o vice-reitor Administrativo, Agenor Dias de Meira Junior. Também participaram do seminário professores das escolas parceiras do Programa, seus diretores, coordenadores pedagógicos, secretários de educação e representantes das coordenadorias regionais de Educação do município e região.

Durante a manhã, houve comunicações orais e apresentação de pôsteres dos bolsistas pibidianos. À tarde, foi realizada a conferência “Crise na educação brasileira e a formação de professores”, com o professor Dr. Ronai Pires da Rocha, que também lançou o livro “Quando ninguém educa: questionando Paulo Freire”.

Universidade e educação básica

Desde 2010, a UPF integra o Pibid. A partir da publicação de uma portaria da Capes em 2013, a Instituição passou a desenvolver ações em 30 escolas de Passo Fundo e região, contemplando 231 bolsas para acadêmicos de todos os cursos de licenciatura da UPF, 47 bolsas para professores da rede de educação básica e 20 bolsas para professores da Universidade. As atividades são divididas em 17 subprojetos que englobam todos os cursos de licenciatura da Instituição.

Para a vice-reitora de Graduação, finalizar um ano de atividades significa congraçamento, o entrelaçamento de todo um processo de formação que a instituição tem em parceria com as escolas na educação básica. “É um espaço indiscutível de formação de professores, porque é a materialização de todas as solicitações e pedidos da própria comunidade e da proposta curricular que temos para que nossos alunos vivam experiência profundas e significativas de formação na educação básica”, afirma Rosani.

Conforme o professor Luiz Marcelo Darroz, coordenador institucional do Pibid, desde 2010, a UPF integra o Programa, que é tão importante para a formação de professores. Segundo ele, a formação busca aliar a teoria estudada com a realidade escolar do futuro de campo de atuação dos bolsistas, futuros professores. “Esse evento objetiva disseminar, contar, compartilhar as experiências vividas pelo programa ao longo desses 7 anos. Semanalmente, os alunos participam da elaboração de propostas pedagógicas e implementação no futuro campo de trabalho que é a escola”, aponta ele.

A experiência do Pibid

Toda a experiência vivenciada pelo Pibid, que de 2013 a 2017 reúne 17 subprojetos nas áreas de Artes, Música, Pedagogia, Letras, Filosofia, História, Matemática, Física, Química, Geografia, Biologia e Educação Física, está registrada em uma obra que foi lançada na abertura do Seminário Institucional. O livro “Universidade e Educação Básica – a experiência do Pibid”, organizado pelos professores Patrícia Valério, Luiz Marcelo Darroz e Maria de Fátima Baptista Betencourt, contempla 18 artigos que produzem uma reflexão sobre a prática de qualificação da formação inicial e continuada. Assinam os textos os coordenadores de área do projeto.